Repositório Digital

A- A A+

A proteção do direito internacional aos jornalistas em zonas de conflito armado

.

A proteção do direito internacional aos jornalistas em zonas de conflito armado

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A proteção do direito internacional aos jornalistas em zonas de conflito armado
Autor Pesce, Isabella Magedanz
Orientador Barzotto, Luciane Cardoso
Data 2015
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Direito. Curso de especialização em Direito do Trabalho.
Assunto Conflitos armados
Direito Internacional Humanitário
[en] Armed conflicts
[en] ICRC
[en] International humanitarian law
[en] International law
[en] Journalists
Resumo A presente monografia busca apresentar de que formas o Direito Internacional protege os jornalistas em zonas de conflito armado. Para tanto, inicialmente apresenta os conceitos doutrinários sobre os conflitos armados, bem como suas subdivisões em conflitos armados internacionais e conflitos armados não internacionais, além da regulamentação exercida pelo Direito Internacional Humanitário por meio das Convenções de Genebra de 1949 e seus Protocolos Adicionais de 1977. O trabalho ainda define as categorias de jornalistas reconhecidas e protegidas pelo direito internacional e passa a analisar o efetivo amparo do direito internacional a estes profissionais: correspondentes de guerra, jornalistas independentes e jornalistas embarcados. Nesse sentido, a pesquisa aborda tanto o direito internacional convencional quanto o direito internacional humanitário consuetudinário. Além da proteção conferida pela legislação internacional, frisa-se a importante atuação do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) e do Comitê de Proteção aos Jornalistas (CPJ), órgãos de atuação constante e relevante na proteção dos jornalistas envolvidos nos conflitos armados.
Abstract This monograph aims to present ways that international law protects journalists in conflict zones. Therefore, initially presents doctrinal concepts of armed conflicts, as well as its subdivisions, international armed conflicts and non-international armed conflicts, and the regulation exerted by international humanitarian law by the Geneva Conventions of 1949 and their Additional Protocols of 1977. The paper also defines the categories of journalists recognized and protected by international law and proceeds to analyze the effective relief of international law to these professionals: war correspondents, independent journalists and journalists embedded. In this sense, the research addresses the conventional international law and customary international humanitarian law. Besides the protection afforded by international law, emphasizes the important role to the International Committee of the Red Cross (ICRC) and the Committee to Protect Journalists (CPJ), parts of constant and relevant actions involved in the protection of journalists in armed conflicts.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/156335
Arquivos Descrição Formato
001009999.pdf (567.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.