Repositório Digital

A- A A+

Ácido ascórbico estabilizado com flavonóides cítricos para frangos de corte sob estresse calórico : efeitos no desempenho e qualidade da carne

.

Ácido ascórbico estabilizado com flavonóides cítricos para frangos de corte sob estresse calórico : efeitos no desempenho e qualidade da carne

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Ácido ascórbico estabilizado com flavonóides cítricos para frangos de corte sob estresse calórico : efeitos no desempenho e qualidade da carne
Outro título Ascorbic acid stabilized with citric flavonoids for broilers under heat stress: effects on performance and meat quality
Autor Martinez, Jaime Ernesto Peña
Orientador Lopez, Jorge
Co-orientador Vieira, Sérgio Luiz
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Carne : Qualidade
Frango de corte
Produção animal
Stress
Temperatura
Resumo A exposição das aves a altas temperaturas ambientais desencadeia diferentes respostas fisiológicas pelos animais. Práticas de manejo e nutrição são utilizadas no sentido de atenuar estes efeitos. O presente estudo teve como objetivo avaliar os efeitos de doses crescentes de ácido ascórbico (aa) estabilizado com flavonóides cítricos, quecetina (f1) e rutina (f2), sobre o desempenho zootécnico e algumas características de qualidade da carne de frangos de corte submetidos a condições de estresse por calor cíclico. Foram utilizadas 400 pintos fêmeas da linhagem Ross x Ross 308 com um dia de idade, alojadas em 40 baterias metálicas, em sala climatizada com controle automático de temperatura. As aves receberam os seguintes tratamentos: 0 g/ton, 250 g/ton, 500 g/ton, 1000 g/ton de aa e flavonóides através de produto comercial com 10,0% de aa e 0,7% de f1 + f2. A dieta foi disponibilizada à vontade até os 32 dias de idade. A partir do 14º dia até o final do experimento foi estabelecido estresse por calor cíclico com aumento de temperatura até atingir os 32°C mantida constante por 5 horas, e reduzida até atingir a temperatura de conforto correspondente à idade dos animais. Os frangos foram abatidos aos 33 dias de idade, avaliados os rendimentos dos cortes da carcaça, determinação de pH, bem como coletadas amostras de sobrecoxa e peito desossado as quais foram submetidas a congelamento para posteriores análises de pH, perdas por cocção, força de cisalhamento, cor e substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico (TBARS). Foram encontradas diferenças significativas (P< 0,0016) para conversão alimentar de 1 a 7 dias de idade sendo os melhores valores 1,120 e 1,141 para as aves dos tratamentos com 0 e 250 g/ton de aa + f1 e f2 respectivamente. No final do experimento as aves não apresentaram diferenças para as demais variáveis de desempenho. Não houve diferenças para rendimento de carcaça, cortes, pH, força de cisalhamento, cor e TBARS. Entretanto, a carne das aves suplementadas com 250 g/ton de produto apresentaram as menores perdas por cocção.
Abstract Broiler exposition to high environmental temperatures leads to physiologic responses to alleviate its deleterious effects. Management and nutrition are used, in order to attenuate these effects. The aim of this study was to evaluate the effects of increasing doses of ascorbic acid (aa) and citric flavonoids quercetin (f1) and rutin (f2), on broiler performance and meat quality characteristics submitted to cyclic heat stress conditions. A total of 400 day-old female Ross x Ross 308 was allocated in 40 battery cages, in temperature controlled room. The basal diet was supplemented with a commercial product containing 10,0% of aa and 0,7% of quercetin (f1) + rutin (f2). The levels used were as follow: 0 g/t, 250 g/t, 500 g/t, 1000 g/t of aa and flavonoids. Birds were fed ad libitum until 32 days of age. Beginning on day 14 posthatch until the end of the experiment, to simulate cyclic heat stress the temperature inside the room was increased to 32°C maintained constant for 5 hours, and decreased until reaching the comfort temperature corresponding to the age of the animals. Birds were slaughtered at 33 days of age. Carcass and parts yield, thighs and boneless breast pH was measured. Also it was collected and stored samples of thighs and boneless breast for subsequent pH analyses, cooking loss, shear force, color and thiobarbituric acid reactivate substances test (TBARS). Significant differences (P <0,0016) were found for feed efficiency from 1 to 7 days of age being the best values 1,120 e1,141 for the birds of the treatments with 0 and 250 g/t of aa + f1 and f2 respectivement. At the end of the experiment the birds didn't show differences for the other performance variables. There were not differences for carcass yield, parts yield, pH, shear force, color and TBARS. However, the meat of the birds supplemented with 250 g/t presented the lowest cooking loss.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/15731
Arquivos Descrição Formato
000690156.pdf (363.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.