Repositório Digital

A- A A+

Três gerações de empreendedorismo : capital e laços sociais entre Brasil e Alemanha a partir do estudo de caso da família Rheingantz

.

Três gerações de empreendedorismo : capital e laços sociais entre Brasil e Alemanha a partir do estudo de caso da família Rheingantz

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Três gerações de empreendedorismo : capital e laços sociais entre Brasil e Alemanha a partir do estudo de caso da família Rheingantz
Autor Bosenbecker, Patrícia
Orientador Monsma, Karl Martin
Data 2017
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia.
Assunto Alemanha
Brasil
Capital social
Empreendedorismo
Imigração alemã
Redes sociais
Sociologia histórica
[en] German immigration
[en] Historical sociology
[en] Social capital
[en] Social networks
[en] Transmigrant entrepreneurship
Resumo Este trabalho analisa a construção e o desenvolvimento dos negócios da família Rheingantz, a partir das redes sociais constituídas e operadas por três gerações familiares, no período de 1840 até 1930. A tese investiga o papel do capital social ao longo do tempo, seu uso pelos membros familiares e a transmissão geracional. Percebendo a família Rheingantz como um grupo imigrante singular em termos de adaptação em solo brasileiro, essa análise busca refletir o papel dos laços transnacionais na construção e manutenção de empreendimentos de propriedade imigrante. Fruto de ampla pesquisa histórica, a tese apresenta uma narrativa de abordagem sócio histórica, que tem entre seus objetivos: investigar o papel das redes transmigrantes na formação e no desenvolvimento das empresas da família Rheingantz ao longo do tempo; analisar o uso de capital social entre membros familiares e sua transmissão entre gerações; avaliar quais os grupos envolvidos com os negócios da família Rheingantz e quais os benefícios que podem ter recebido no interior das redes sociais.
Abstract This work analyzes the construction and development of the Rheingantz family business, focusing on the social networks operated by three generations of the family, between 1840 until 1930. The thesis investigates the role of social capital over time, its use by family members and intergenerational transmission. Understanding the immigrant Rheingantz family as uniquely successful in adaptation to Brazil, this analysis emphasizes the role of transnational ties in the construction and maintenance of immigrant enterprises. The result of extensive historical research, this thesis presents a socio-historical narrative that has among its objectives: investigate the role of transmigrant networks in the formation and development of the Rheingantz family businesses over time; analyze the use of social capital by family members and its transmission between generations; assess which groups were involved in the Rheingantz family business, and what benefits they received within the social networks.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/159175
Arquivos Descrição Formato
001023059.pdf (3.874Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.