Repositório Digital

A- A A+

Capillary Hemangioma of the Sphenoid Sinus

.

Capillary Hemangioma of the Sphenoid Sinus

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Capillary Hemangioma of the Sphenoid Sinus
Outro título Hemangioma capilar do seio esfenoidal
Autor Manica, Denise
Piltcher, Otavio Bejzman
Sekine, Leo
Abstract Hemangiomas of upper respiratory tract are uncommonly seen in clinical practice, and there are only a few reports of cases arising in the nasal sinuses. Specifically concerning capillary hemangiomas of the sphenoid sinus, as far as we know, there is only one case reported in the literature. This case report describes also a capillary hemangioma of the sphenoid sinus. A 26 year- old man complained of an intense headache and a retronasal bloody drainage. After some days in conservative treatment without any improvement, and after having an imaging study showing partial opacification of the sphenoid sinus, he underwent a left sphenoidectomy. The lesion identified in the region was ressected and sent to histopathological analysis, which revealed a capillary hemangioma. The patient is on follow-up for 12 months now and still asymptomatic. This case report emphasizes the importance of also considering this diagnosis when evaluating paranasal sinuses related complaints, even when faced with a clinical history and ancillary exams indicative of a common inflammatory disease. Despite the good result seen with the surgical management of this patient, this alternative should be carefully chosen, taking into account possible hemorrhagic complications of different hemangiomas.
Resumo Hemangiomas da via aérea superior são vistos raramente na prática clínica e há apenas alguns relatos de casos nos seios paranasais. Falando especificamente do hemangioma capilar do seio esfenoidal, pela nossa busca na literatura, há apenas um relato. Descrevemos aqui mais um caso de hemangioma capilar do seio esfenoidal. Paciente de 26 anos com cefaléia intensa e drenagem pós-nasal que, após alguns dias de tratamento conservador sem melhora, e tendo feito exames de imagem mostrando opacificação parcial do seio esfenóide, foi submetido a esfenoidectomia esquerda. A lesão identificada na região foi ressecada e enviada para análise histopatológica. A mesma revelou um hemangioma capilar. O paciente, com seguimento de 12 meses, permanece assintomático. Esse relato enfatiza a importância de considerar esse diagnóstico quando avaliadas queixas relacionadas aos seios paranasais, mesmo quando a história e exames indiquem uma patologia inflamatória comum. Apesar do bom resultado cirúrgico desse paciente, essa alternativa terapêutica deve ser considerada com cuidado, levando em conta as possíveis complicações hemorrágicas dos diferentes hemangiomas.
Contido em Revista HCPA. Porto Alegre. Vol. 31, n. 1, (2011), p. 73-75
Assunto Cefaléia
Hemangioma
Seio esfenoidal : Cirurgia
Sinusite
[en] Headache
[en] Sinusitis
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/159440
Arquivos Descrição Formato
001014889.pdf (874.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.