Repositório Digital

A- A A+

Levantamento do consumo de medicamentos por estudantes de ensino médio em duas escolas de Porto Alegre-RS

.

Levantamento do consumo de medicamentos por estudantes de ensino médio em duas escolas de Porto Alegre-RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Levantamento do consumo de medicamentos por estudantes de ensino médio em duas escolas de Porto Alegre-RS
Autor Almeida, Claudia Rejane Chiarel
Orientador Souza, Diogo Onofre Gomes de
Co-orientador Ferreira, Maria Beatriz Cardoso
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Ciências Básicas da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde.
Assunto Ensino médio
Estudantes
Propaganda
Uso de medicamentos
Resumo Esse estudo foi realizado em duas escolas de ensino médio, Instituto Vicente Pallotti (particular) e Escola Estadual Tubino Florinda Sampaio (pública), localizadas na cidade de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, em 2008. Para obter os dados da pesquisa foi aplicado um questionário quantitativo em 438 alunos, distribuídos em 33 turmas (turnos da manhã e noite). O questionário foi aplicado em sala de aula, após a prévia assinatura do termo de consentimento pelos responsáveis dos alunos, pedido de autorização para a instituição e para os professores responsáveis pela aula no momento da aplicação. Foi verificado o consumo de medicamentos em alunos do ensino médio de duas escolas de Porto Alegre. Foi analisada a freqüência com que alunos utilizaram os medicamentos, a maneira em que foram utilizados (regularmente ou de vez em quando), os que esses alunos esperavam obter com o uso desses medicamentos, os medicamentos mais consumidos. Foi traçado um perfil da amostra pesquisada, informando a distribuição por série, idade, sexo dos alunos, escolaridade e profissões dos responsáveis, verificando também através de que fontes tomaram conhecimento desses medicamentos. Verificou-se ainda se alguma propaganda de medicamentos já chamou a atenção desses alunos, o que mais chamou a atenção nas propagandas e quais são os medicamentos vistos em propagandas que os alunos têm gravados em sua memória Inicialmente, analisou-se a distribuição de repostas em 9 (nove) grupos separadamente (1ªs, 2ªs e 3ªs séries da manhã do Pallotti, 1ªs, 2ªs e 3ªs séries da manhã do Tubino e 1ªs, 2ªs e 3ªs séries da noite do Tubino). A distribuição das repostas foi estatisticamente igual nas 9 turmas. Então, os resultados apresentados neste artigo se referem às respostas de cada pergunta de forma global (todas as 33 turmas juntas). A maioria dos estudantes que participaram deste estudo usa medicamentos, principalmente indicados por profissionais da saúde e com conhecimento da família, sem saber se seu uso pode causar algum problema. A propaganda de medicamentos na televisão foi e/ou é assistida pela quase totalidade os alunos, que confiam muito pouco ou nada confiam cientificamente nas propagandas de medicamentos. Entretanto, 30% deles informaram que a propaganda influenciou no uso de medicamentos. Assim, este estudo indica a necessidade de programas que visem conscientizar aspectos negativos do uso de medicamentos por jovens de Porto Alegre. Estes programas poderiam se dirigir aos jovens, às suas escolas, às suas famílias, às equipes de saúde e à mídia (especialmente a televisão).
Abstract This study was conducted in two high school, Vincent Pallotti Institute (private) and State School Tubino Florinda Sampaio (public), located in Porto Alegre, Rio Grande do Sul, in 2008. To obtain data from the quantitative questionnaire survey was applied to 438 students, distributed in 33 classes (morning and night shifts). The questionnaire was applied in the classroom, after the signing of the term prior consent of the heads of students, application for approval to the institution and the teachers in the classroom at the time of application. Was made to check the consumption of drugs in high school students from two schools of Porto Alegre. Examined the frequency with which students used the drugs, the way they were used - regular (chronic) or occasionally (for some reason), what these students expect to obtain with the use of these drugs, the groups and pharmacological substances most consumed. Was drawn to the profile of the sample studied, the distribution per informing series, age, sex of students, education and occupations of those responsible, noting also through what mechanisms (friends, gyms, pharmacies, advertising, internet) are aware of these products. There was still some advertising of drugs has already drawn the attention of these students, which drew the most attention in advertising and what drugs are seen in advertisements that the students have recorded in their memory Initially, it was analyzed separately the distribution of replies in 9 (nine) groups (1ª, 2ª and 3ª series of the morning of the Pallotti, 1ª, 2ª and 3ª series of the morning of the Tubino and 1ª, 2ª and 3ª series of the Tubino night). The distribution of the replies was statistically equal in the 9 groups. Then, the answers of each question were analyzed in by using all the 33 series together. The results indicated that most students who participated in this study use drugs mainly given by health professionals and with knowledge of the family, without know whether its use may present side effects. The advertising of medicines was on TV and was and / is watched by nearly all the students, who rely very little or no trust scientifically in the advertising of medicines. However, 30% of them reported that advertising influenced the use of medicines. Thus, this study indicates the need for programs aimed at awareness of the negative aspects of drug use by young people in Porto Alegre. They could go to young people, their schools, their families, the health teams and the media (especially television).
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/15951
Arquivos Descrição Formato
000694655.pdf (1.222Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.