Repositório Digital

A- A A+

Da estância ao parreiral : um estudo de caso sobre a vitivinicultura em Santana do Livramento/RS

.

Da estância ao parreiral : um estudo de caso sobre a vitivinicultura em Santana do Livramento/RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Da estância ao parreiral : um estudo de caso sobre a vitivinicultura em Santana do Livramento/RS
Autor Engelmann, Daniel
Orientador Klering, Luis Roque
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Programa de Pós-Graduação em Administração.
Assunto Agronegócios
Desenvolvimento regional
Estudo de caso
Santana do Livramento (RS)
Vitivinicultura
[en] Development
[en] Winegrowing
Resumo O presente estudo tem como objetivo analisar o setor vitivinícola de Santana do Livramento enquanto processo de desenvolvimento tramado pela interação social promovida entre os atores que dele participam, para o que foi descrita a organização dos mesmos; identificadas as respectivas peculiaridades relacionais, bem como suas possíveis influências sobre o desenvolvimento do espaço analisado; e, também, identificadas as possibilidades de cooperação vitivinícola entre o município fronteiriço de Santana do Livramento, no Brasil, e a Intendência de Rivera, no Uruguai. A motivação para a realização deste estudo surgiu a partir da idéia de problematizar o que advém tanto do senso comum, como das políticas públicas; ou seja, de que a Metade Sul do Rio Grande do Sul vem sendo marcada pela estagnação, sobretudo econômica. Para dar conta do objetivo visado, primeiramente, foi tecida uma problemática do estudo quanto a seus aspectos históricos, marcados pela ocupação territorial do novo mundo. Em seguida, justificou-se a escolha do espaço geográfico de estudo e foram descritas as principais unidades representativas da cultura local: as estâncias e o gaúcho. Além disso, foi apresentado um apanhado geral da economia de Santana do Livramento, durante o século XX e início do século XXI. Destacou-se o processo histórico do cultivo de uva e produção de vinhos no Rio Grande do Sul e de sua presença na Região da Campanha Gaúcha Como fundamentos teóricos que orientaram este estudo de caso, destacaram-se as noções de espaço vivido (FRÉMONT, 1980), lugar-global e lugar-local (VIEIRA E VIEIRA, 2003), combinação regional (FRÉMONT, 1980), cidade (FISCHER, 1996, 2006), interação social (CHARON, 2004), desenvolvimento regional (BOISIER, 1992, 1996, 2000) e desenvolvimento contemporâneo (BECKER, 2000). Para atender aos objetivos deste estudo, recorreu-se às técnicas de pesquisa histórica e descritiva, observação direta, entrevistas em profundidade, questionários e análise de conteúdo. Como resultados da pesquisa, foram encontrados vinícolas auto-suficientes e viticultores-autônomos que implicam de forma importante nas práticas locais e na forja de um modelo de produção calcado na técnica e tecnologia. Identificou-se, no enoturismo, possibilidade de cooperação entre Santana do Livramento e Rivera. E, por fim, o estudo revelou a expansão da vitivinicultura para outros municípios da Região da Campanha Gaúcha, evidenciando que o setor representa uma realidade viva, ativa e dinâmica da designada Metade Sul do Rio Grande do Sul.
Abstract The purpose of this research is to analyse winegrowing field in Santana do Livramento as a development process arranged by social interaction among actors, describing their organisation; peculiarities of relationship established among participants were idenfied as well as its possible influences on development of the analysed space; and possibilities of winegrowing cooperation between frontier city of Santana do Livramento, in Brazil, and Rivera, in Uruguay were identified. The motivation for this research came from idea of studying what is perceived as common sense and as public policies: the belief that southern half of Rio Grande do Sul is stagnant, over all economically. To achieve the aim, initially historical aspects were investigated, which were marked by territorial occupation by Europeans. Afterwards, the choice of this geographical space was justified and main representative units of local culture were described: "estância" and "gaúcho". Furthermore, a summary of Santana do Livramento economy was introduced, during 20th and beginning of 21th century. The historical process of culture of grape and production of wine in Rio Grande do Sul and its presence in Campanha Gaúcha region were emphasized. Among theoretical basis that led this case study, notion of lived space (FRÉMONT, 1980), global place and local place (VIEIRA E VIEIRA, 2003), regional combination (FRÉMONT, 1980), city (FISCHER, 1996, 2006), social interaction (CHARON, 2004), regional development (BOISIER, 1992, 1996, 2000) and contemporary development (BECKER, 2000) were distinguishe In order to reach the objectives of this research, the following methods were utilized: historical and descriptive search, direct observation, in-depth interviews, surveys and content analysis. As results, the existence of self-sufficient wineries and autonomous grape-growers which influence on local practices and on construction of a production standard based on technique and technology were identified. It was identified on wine tourism a possibility of cooperation between Santana do Livramento and Rivera. Finally, this study allowed to appraise winegrowing expansion from Santana do Livramento to surrounding municipalities, revealing that the sector represents an alive, active and dynamic reality on the geographic space called southern half of Rio Grande do Sul.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/16070
Arquivos Descrição Formato
000695595.pdf (1.042Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.