Repositório Digital

A- A A+

Emerging adulthood in brazilians of differing socioeconomic status : transition to adulthood

.

Emerging adulthood in brazilians of differing socioeconomic status : transition to adulthood

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Emerging adulthood in brazilians of differing socioeconomic status : transition to adulthood
Outro título Adultez emergente em brasileiros de diferentes níveis socioeconômicos : transição para a vida adulta
Autor Dutra-Thomé, Luciana
Koller, Silvia Helena
Abstract This study was a descriptive exploratory investigation into the transition to adulthood in Brazilian young people of differing socioeconomic status (SES), considering the phenomenon of Emerging Adulthood (EA). The variables analyzed were sociodemographic aspects, perceptions of adulthood, access to technology, and educational and employment status. The sample included 547 young people ranging between 18 and 29 years of age, residents of Porto Alegre (RS), of low and high SES. More than 50% of the total sample reported that they felt in-between adolescence and adulthood, which may indicate the existence of EA in individuals of both SES. However, EA was more likely to be present in high SES contexts. The low SES group presented a tendency to assume adult responsibilities earlier, which blocks their opportunities for experiencing a period of identity exploration.
Resumo O presente estudo constituiu investigação exploratória descritiva de caráter tranversal sobre transição para a vida adulta em brasileiros de diferentes níveis socioeconômicos (NSE), considerando o fenômeno chamado adultez emergente (AE). Foram analisadas variáveis sociodemográficas, percepção de adultez, acesso à tecnologia, status educacional e de trabalho. A amostra foi composta de 547 jovens de ambos os sexos, residentes em Porto Alegre (RS), entre 18 e 29 anos, e pertencentes aos NSEs baixo e alto. Mais de 50% da amostra total registrou perceber-se ambivalente quanto a ter atingido ou não a vida adulta, o que pode indicar a existência da AE em indivíduos de ambos NSEs. Todavia, a AE mostrou-se mais provável de ocorrer em contextos de NSE alto. O grupo de NSE baixo apresentou tendência a assumir responsabilidades adultas precocemente, o que dificulta a experimentação de um período mais exploratório de suas identidades.
Resumen Este estudio constituyó una investigación exploratoria descriptiva de carácter trasversal sobre la transición para la vida adulta en brasileños de diferentes niveles socioeconómicos (NSE), considerando el fenómeno llamado de adultez emergente (AE). Fueron analizadas variables sociodemográficas, como percepción de adultez, tiempo libre, acceso a la tecnología, nivel educativo y estatus laboral. La muestra fue compuesta por 547 jóvenes de ambos sexos, residentes en Porto Alegre (RS), entre 18 y 29 años; de NSE bajo y alto. Más del 50% de la muestra total señaló percibirse ambivalente en cuanto a haber llegado o no a la vida adulta, lo que puede indicar la presencia de la AE en sujetos de ambos NSEs. Sin embargo, la AE se mostró más probable de ocurrir en contextos de NSE alto. El grupo de NSE bajo presentó tendencia a asumir responsabilidades adultas precozmente, lo que dificulta la experimentación en un período más exploratorio de sus identidades.
Contido em Paidéia (Ribeirão Preto) : cadernos de psicologia e educação. Vol. 24, n. 59, (set./dez. 2014), p. 313-322.
Assunto Adolescente
Adulto
Desenvolvimento humano
Escolaridade
Nível sócio-econômico
[en] Adult development
[en] Adults
[en] Young adults
[es] Desarrollo del adulto
[es] Jóvenes
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/163236
Arquivos Descrição Formato
001016887.pdf (293.9Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.