Repositório Digital

A- A A+

Desempenho de leitões submetidos a diferentes espaços de comedouro quando mantidos em alta densidade na fase de creche

.

Desempenho de leitões submetidos a diferentes espaços de comedouro quando mantidos em alta densidade na fase de creche

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Desempenho de leitões submetidos a diferentes espaços de comedouro quando mantidos em alta densidade na fase de creche
Outro título Performance of pigs submitted to different feeder spaces while kept under a high stocking density in the nursery phase
Autor Laskoski, Fernanda
Orientador Bortolozzo, Fernando Pandolfo
Co-orientador Bernardi, Mari Lourdes
Wentz, Ivo
Data 2017
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias.
Assunto Alimentos : Consumo
Alojamento
Canibalismo
Desempenho animal
Manejo animal
Suinocultura
Suinos: : Fase de creche
[en] Ear biting
[en] Feeder space
[en] Nursery phase
[en] Post-weaning
[en] Tail biting
Resumo O espaço de comedouro por leitão deve ser suficiente para assegurar um acesso adequado ao alimento, sem prejudicar o consumo e o desempenho. No entanto a influência do espaço de comedouro no desempenho pós-desmame ainda não está bem estabelecida, principalmente para leitões sujeitos a uma alta densidade na fase de creche. O objetivo desse estudo foi verificar o efeito de quatro espaços de comedouro no início do consumo de alimento, consumo médio diário (CMD), ganho de peso diário (GPD), conversão alimentar (CA) e ocorrência de canibalismo em leitões submetidos a uma densidade de 0,23 m²/leitão, na fase de creche. Foram avaliados 630 leitões com peso médio de desmame 5,59 ± 0,9 kg e idade média de 20,5 ± 0,9 dias ao longo de um período de 6 semanas. Foram utilizadas 28 baias com sete repetições por tratamento, sendo a baia a unidade experimental. Os espaços de comedouro estudados foram 2,13 cm/leitão, 2,56 cm/leitão, 3,20 cm/leitão e 4,26 cm/leitão. A ração foi disponibilizada na forma ad libitum, com registro de consumo diário. Os leitões receberam, por um período de três dias pós-desmame, ração com corante de óxido de ferro a 1% e foram submetidos a swab retal nas 18, 24, 42, 50, 58 e 66 h pós-desmame para avaliar o início do hábito de consumo alimentar. Os leitões foram pesados nos dias 7, 14, 21, 28, 35 e 42 de alojamento, sendo observada e registrada, diariamente, a ocorrência de canibalismo de cauda e orelha. Houve redução no início do consumo alimentar (P<0,001) quanto maior foi o espaço de comedouro disponibilizado. Para o período de 0 a 14 dias pós-desmame, foi observado efeito linear significativo no CMD (P=0,015). Houve uma tendência linear de melhoria para o GPD quanto maior foi o espaço de comedouro disponível (P=0,062), mas não foram observados efeitos do espaço de comedouro nas variáveis CMD e CA (P>0,05), no período total (0 a 42 dias). A partir dos 21 dias pós-alojamento, foram observados quadros de canibalismo tanto de orelha como cauda. O tratamento de 4,26 cm/leitão foi o único a não apresentar canibalismo e diferiu de todos os outros tratamentos. O espaço de 2,13 cm/leitão foi o que apresentou os maiores percentuais de canibalismo, em comparação com os demais espaços. Em conclusão, maior espaço de comedouro reduz o tempo médio para início do consumo pós-desmame, tende a aumentar o GPD, além de melhorar o bem-estar, pela redução de canibalismo, em leitões alojados em uma alta densidade na fase de creche.
Abstract Feeder space per pig should be sufficient to ensure adequate access to feed, without impairing the consumption and performance of the animals. However, the influence of feeder space on growth performance of pigs is not well established for the nursery phase, mainly in scenarios of high stocking density. The aim of this study was to investigate the effect of four different feeder spaces on the beggining of feeding behavior, the average daily gain (ADG), average daily feed intake (ADFI), feeding efficiency and the occurrence of tail and ear biting in pigs under a stocking density of 0.23 m²/pig in nursery phase. A total of 630 weaned piglets weighing 5.59 ± 0.9 kg and ageing 20.5 ± 0.9 days were evaluated over a 6 weeks period. Seven replicates (28 pens) per treatment were used. The feeder spaces were 2.13 cm/pig, 2.56 cm/pig, 3.20 cm/pig and 4.26 cm/pig. The feed was offered ad libitum, with the feed intake being recorded daily. The pigs were fed for a three-days post-weaning period, with 1% iron oxide dye, and were submitted to rectal swab at 18, 24, 42, 50, 58 and 66 h post-weaning to determine the starting of the feeding behavior. The piglets were weighed at 7, 14, 21, 28, 35 and 42 days of housing. The appearance of tail and ear biting was daily recorded. There was a reduction in the period between weaning and first feed intake (P<0.001) as the feeder space available increased. For the period of 0 to 14 d post-weaning, feeder space linearly affected the increase of ADFI (P=0.015). There was a linear trend for increased GPD with higher feeder space available (P=0.062), but no statistical effect of feeder space was observed on ADFI and feeding efficiency (P>0.05), when considering the total nursery period (0-42 days). From day 21 post-weaning onward, tail and ear biting behavior were observed. Piglets submitted to 4.26 cm/pig were the only that did not present this behavior, differing (P<0.05) from all the other treatments. The space of 2.13 cm/pig presented the highest percentages (P<0.05) of total cannibalism in comparison with the others spaces. In conclusion, higher feeder space decreases the time for the beginning of feeding behavior, tends to increase the ADG, as well as improves the welfare by reducing cannibalism among piglets under high stocking density pens in the nursery phase.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/163402
Arquivos Descrição Formato
001024507.pdf (961.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.