Repositório Digital

A- A A+

Modelos empíricos e mecanísticos aplicados ao mapeamento digital de atributos de solos

.

Modelos empíricos e mecanísticos aplicados ao mapeamento digital de atributos de solos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Modelos empíricos e mecanísticos aplicados ao mapeamento digital de atributos de solos
Outro título Empirical and mechanistic models applied to digital mapping of soil attributes
Autor Bonfatti, Benito Roberto
Orientador Giasson, Elvio
Data 2017
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo.
Assunto Classificacao de solo
Mapeamento digital
Pedologia
Reconhecimento do solo
Resumo O mapeamento digital tem se tornado uma das mais importantes ferramentas na predição e mapeamento de solos. Apesar de sua importância, é ainda pouco difundido no Brasil, principalmente na predição e mapeamento de atributos de solo. O objetivo desta tese foi apresentar e avaliar diferentes modelos que podem ser utilizados no mapeamento digital de atributos de solo. Primeiramente foram discutidos e analisados diferentes modelos empíricos e, em sequência, também foram avaliados modelos mecanísticos. Dois estudos foram apresentados, um envolvendo um modelo empírico para predição e mapeamento de concentração e estoque de carbono no solo e outro utilizando modelos mecanísticos para predição de profundidade do solo e sua alteração com o tempo, em diferentes posições da paisagem. Os estudos foram aplicados no Vale dos Vinhedos, RS. Ambos modelos apresentaram validação satisfatória e capacidade de mapear atributos de solos. O modelo empírico apresentou maior dependência em relação aos dados de campo e seus resultados variaram de acordo com o método escolhido e o número e representatividade amostral. O modelo mecanístico se mostrou complexo e importante para identificar tendências de distribuição do atributo mapeado (profundidade do solo), apesar da impossibilidade de modelar todos os fenômenos envolvidos durante a pedogênese. Também apresentou menor dependência das condições amostrais e condições para melhor compreensão do comportamento dos elementos envolvidos durante os fenômenos naturais de pedogênese. Ambos modelos podem ser utilizados no mapeamento digital de solos, considerando as suas vantagens e respeitando as limitações de cada técnica utilizada.
Abstract The digital mapping has become one of the most important tools on soil predicting and mapping. Although the importance, it is still a poorly disseminated methodology in Brazil, mainly when applied in soil attributes prediction and mapping. This thesis aimed to present and evaluate different models that can be used in digital mapping of soil attributes. Firstly, different techniques from empirical models to predict and map were discussed. In sequence, techniques from mechanistic models were also evaluated. Two studies were presented. The first study involved an empirical model to predict and map soil organic carbon content and stocks. The second used a mechanistic model to predict soil thickness and its variation over time in different landscape positions. The studies were conducted in Vale dos Vinhedos, RS, Brazil. Both models performance were considered satisfactory and able to map soil attributes. The empirical models depended from soil samples and results varied conform the method chosen, the soil samples number and representativity. The mechanistic models showed complexity and it was important to identify soil thickness tendencies, despite the impossibility to model all the phenomena involved during the pedogenesis. It was less dependent from soil samples and allowed a better understanding about the elements behavior involved. Both models can be used in digital mapping of soil attributes, considering their advantages and respecting each technique limitations.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/163551
Arquivos Descrição Formato
001025045.pdf (3.927Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.