Repositório Digital

A- A A+

Habilidades psicomotoras em anestesia : comparação dos relatos de turmas em dois curriculos médicos

.

Habilidades psicomotoras em anestesia : comparação dos relatos de turmas em dois curriculos médicos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Habilidades psicomotoras em anestesia : comparação dos relatos de turmas em dois curriculos médicos
Outro título Psychomotor skills in anesthesia : reports of students in two curricula
Autor Arenson-Pandikow, Helena Maria
Bordin, Ronaldo
Medeiros, Sergio Augusto C.
Resumo OBJETIVO: O Núcleo de Avaliação do Ensino Médico da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Sul vem, desde 1990, aplicando questionários aos alunos da graduação nas fases pré e pós-realização de estágios rotatórios do ciclo clínico, para estabelecer o nível de oportunidades de treinamento psicomotor em diversas áreas de ensino. Este trabalho objetiva avaliar os resultados do treinamento em habilidades psicomotoras em estágios de Anestesia em alunos que fizeram o estágio antes e depois de uma reforma curricular. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram documentados os levantamentos de 18 habilidades mínimas, acessíveis ao aluno na rotina do estágio em Anestesia da disciplina de Cirurgia, realizados, respectivamente, com a última geração de alunos da disciplina MED305 (sétimo semestre, em 1991) e a nova MED03377 (décimo semestre, em 1996). O levantamento de dados ocorreu mediante aplicação de questionários no primeiro e último dia de realização do estágio, já validados para essa finalidade. RESULTADOS: Das 18 habilidades, 13 não apresentaram diferença estatisticamente significativa entre as turmas; em quatro habilidades foi referida uma exposição prévia significativamente superior no currículo antigo (estimativa de perdas sangüíneas, instalação de soro, administração intravenosa de fluidos e transporte do paciente inconsciente); em apenas uma habilidade houve referência à exposição prévia superior no currículo 242.0 CONCLUSÕES: Os resultados obtidos sugerem que a auto-apreciação dos alunos quanto à experiência adquirida em habilidades psicomotoras, prévia à realização do estágio em Anestesia, tende a superestimar sua competência em habilidades técnicas. Adiante, no décimo semestre, este julgamento se modifica consideravelmente: os alunos referem menor nível de experiência prévia e no estágio parecem mais motivados ao desempenho de habilidades específicas ao exercício da Anestesia.
Abstract OBJECTIVE: Since 1990, the Evaluation Program for Undergraduate Medical Teaching at Universidade Federal do Rio Grande do Sul has been conducting a systematic survey to establish the opportunities granted to students to develop psychomotor skills in several areas. For this purpose, the students answer questionnaires at the beginning and at the end of clinical rotating internships. The aim of the present work was to assess the reports of students concerning the development of such skills during the anesthesia internship before and after a curriculum reform. MATERIALS AND METHODS: We documented 18 basic tasks performed by students during the anesthesia internship. We compared the answers of 7th semester trainees (1991, old curriculum) with the answers of 10th semester trainees (1996, new curriculum). The questionnaires were applied on the first and on the last day of internship. RESULTS: Out of 18 tasks, 13 were not statistically different between the groups; in 4 (blood loss estimation, installation of IVs, intravenous administration of fluids, and transportation of unconscious patients), the old curriculum group reported significantly higher exposure prior to the internship; in one skill the reference to previous exposure to these tasks was higher in the new curriculum. CONCLUSIONS: The present results suggest that the perception of students concerning their previous experience with the psychomotor skills required for the tasks under analysis tended to make them overestimate their technical skills. In 10th semester new curriculum students, this attitude changed significantly: students referred less to previous experience, and seemed more motivated to develop activities that were specifically related to anesthesia during the internship.
Contido em Revista HCPA. Porto Alegre. Vol. 20, n. 1 (abr. 2000), p. 21-27
Assunto Anestesia
Avaliação
Educação médica
[en] Medical education
[en] Medical evaluation
[en] Skills
[en] Undergraduate medical course
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/163845
Arquivos Descrição Formato
000338123.pdf (32.10Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.