Repositório Digital

A- A A+

Exposição a contaminantes ambientais durante a gestação e seus efeitos sobre a saúde fetal : uma revisão da literatura

.

Exposição a contaminantes ambientais durante a gestação e seus efeitos sobre a saúde fetal : uma revisão da literatura

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Exposição a contaminantes ambientais durante a gestação e seus efeitos sobre a saúde fetal : uma revisão da literatura
Outro título Exposure to environmental contaminants during pregnancy and its effects in the fetal well-being : a review
Autor Peres, Rossana Mizunski
Sanseverino, Maria Teresa Vieira
Faccini, Lavinia Schuler
Resumo A exposição humana a contaminantes ambientais é onipresente. Uma grande preocupação em relação à população que vive perto de fontes poluentes é o risco potencial de efeitos adversos para as gestações, especialmente defeitos congênitos. Excetuando-se o mercúrio, o chumbo e os bifenis pliclorinados (PCBs), não há uma evidência clara de teratogenicidade causada por outros contaminantes ambientais, possivelmente devido a dificuldades metodológicas. Contrariamente ao que ocorre em experimentos com animais de laboratório, as pessoas são raramente expostas a um único contaminante potencialmente perigoso. Porém, a maioria das informações que documentam efeitos adversos secundários à contaminação ambiental na saúde reprodutiva são oriundas de exposição a somente um agente e há pouca informação disponível sobre de que maneira dois ou mais contaminantes ambientais podem afetar a gestação. Este artigo revisará as abordagens metodológicas utilizadas para se dispor de um acesso aos resultados adversos decorrentes da exposição aos poluentes e seus principais resultados.
Abstract Human exposure to environmental contaminants is omnipresent. A great concern about individuals who live near hazardous waste sites is the potential risk of adverse pregnancy outcomes, especially birth defects. Additionally, with the exception of mercury, lead and PCBs, there is not clear evidence of the teratogenicity caused by other environmental contaminants due to methodological difficulties. Unlike animal experiments, people are rarely exposed to a single hazardous contaminant. However, most of the information documenting adverse reproductive health effects from environmental contaminants originated from studies focused on exposure to single chemicals, and there is little information available on how two or more contaminants affect human pregnancies. This paper reviews the methodological approaches used to access the adverse outcomes of pregnancies exposed to environmental contaminants and its major results.
Contido em Revista do HCPA & Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Vol. 21, n. 3 (dez. 2001), p. 368-378
Assunto Anormalidades
Complicações na gravidez
Exposição ambiental
Exposição materna
Teratogênese
[en] Abortions
[en] Birth defects
[en] Environmental contaminants
[en] Prematurity
[en] Stillbirths
[en] Teratogenesis
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/163857
Arquivos Descrição Formato
000337203.pdf (44.94Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.