Repositório Digital

A- A A+

Lavagem expiratória versus otimização da ventilação mecânica convencional durante hipercapnia permissiva em pacientes com insuficiência respiratória aguda

.

Lavagem expiratória versus otimização da ventilação mecânica convencional durante hipercapnia permissiva em pacientes com insuficiência respiratória aguda

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Lavagem expiratória versus otimização da ventilação mecânica convencional durante hipercapnia permissiva em pacientes com insuficiência respiratória aguda
Outro título Expiratory washout versus optimization of mechanical ventilation during permissive hypercapnia in patients with severe acute respiratory distress syndrome
Autor Richecoeur, Jack
Lu, Qin
Vieira, Silvia Regina Rios
Puybasset, Louis
Kalfon, Pierre
Coriat, Pierre
Rouby, Jean-Jacques
Resumo OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi comparar três técnicas ventilatórias para reduzir pressão arterial de CO2 em pacientes com insuficiência respiratória aguda severa e em hipercapnia permissiva. MATERIAIS E MÉTODOS: Em um grupo de seis pacientes com insuficiência respiratória aguda severa que desenvolveram hipercapnia permissiva com técnicas protetoras de ventilação mecânica, três estratégias ventilatórias foram comparadas: lavagem panexpiratória isolada, ventilação otimizada (definida como aumento na freqüência respiratória associado à redução do espaço morto instrumental) e a combinação de ambos os métodos. Em todas as técnicas a pressão de platô inspiratória foi mantida constante por ajuste da pressão expiratória final positiva extrínseca. RESULTADOS: A lavagem pan-expiratória e a ventilação otimizada tiveram efeitos similares na eliminação de CO2, sendo que um decréscimo adicional na pressão arterial de CO2 foi observado quando ambos os métodos foram combinados. A pressão expiratória final positiva extrínseca teve de ser reduzida quando a lavagem pan-expiratória foi usada, mas permaneceu inalterada durante a ventilação otimizada isolada. CONCLUSÕES: Nos pacientes com insuficiência respiratória aguda severa, que necessitam de pressões de platô mais baixas para evitar hiperdistensão, e que em decorrência disso desenvolveram hipercapnia, o aumento da freqüência respiratória e a redução do espaço morto instrumental são tão eficientes quanto a lavagem panexpiratória para reduzir PaCO2 e, quando usadas em combinação, ambas as técnicas têm efeitos aditivos e resultam em níveis de PaCO2 próximos aos normais.
Abstract OBJECTIVE: The aim of the present study was to compare three ventilatory techniques for reducing PaCO2 in patients with severe acute distress syndrome treated with permissive hypercapnia. MATERIALS AND METHODS: In a group of six patients with severe acute distress syndrome who developed permissive hypercapnia with protective techniques of mechanical ventilation, three ventilatory strategies were compared: expiratory washout alone, optimized mechanical ventilation, defined as an increase in respiratory frequency associated with a reduction of the instrumental dead space, and the combination of both methods. In all strategies, inspiratory plateau airway pressure was kept constant by setting the extrinsic positive end-expiratory pressure. RESULTS: Expiratory washout and optimized mechanical ventilation had similar effects on CO2 elimination. A further decrease in PaCO2 was observed when both methods were combined. Extrinsic positive end-expiratory pressure had to be reduced during expiratory washout, whereas it remained unchanged during optimized mechanical ventilation alone. CONCLUSIONS: In patients with severe acute distress syndrome, who need lower plateau airway pressures in order to avoid overdistention, therefore developing hypercapnia, the increasing respiratory rate and reducing instrumental dead space are as efficient as expiratory washout to reduce PaCO2 and, when used in combination, both techniques have additive effects and result in PaCO2 levels close to normal values.
Contido em Revista HCPA. Porto Alegre. Vol. 19, n. 3 (nov. 1999), p. 308-322
Assunto Insuficiência respiratória
Pneumopatias
Sindrome do desconforto respiratorio
Ventilação mecânica
[en] Acute lung injury
[en] Expiratory washout
[en] Mechanical ventilation
[en] Severe acute distress syndrome
[en] Tracheal gas insufflation
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/164030
Arquivos Descrição Formato
000353393.pdf (59.10Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.