Repositório Digital

A- A A+

Avaliação da adesão ao protocolo de pneumonia adquirida na comunidade na emergência do HCPA

.

Avaliação da adesão ao protocolo de pneumonia adquirida na comunidade na emergência do HCPA

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação da adesão ao protocolo de pneumonia adquirida na comunidade na emergência do HCPA
Outro título Assessment of adherence to community acquired pneumonia protocol at HCPA emergency room
Autor Seligman, Beatriz Graeff Santos
Triches, Cristina Bergmann
Silveira, Marcel Müller da
Strelow, Rodrigo Hammes
Duncan, Michael Schmidt
Barcellos, Pedro Tregnago
Martins, Shana
Seligman, Renato
Resumo Objetivo: O estudo tem como objetivo principal avaliar o grau de adesão ao protocolo para manejo de Pneumonia Adquirida na Comunidade (PAC) vigente na emergência do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA). Visamos também, buscar características epidemiológicas, clínicas e laboratoriais que possam contribuir para um desfecho mais grave nestes pacientes. Métodos: De forma prospectiva e observacional, selecionamos pacientes com diagnóstico clínico e radiológico de pneumonia, através de busca ativa na emergência do HCPA, durante o período de agosto a novembro de 2005. O já consagrado escore PORT (Pneumonia Patient outcomes Research Team) de gravidade foi utilizado para estratificação dos pacientes, os quais foram reavaliados no quinto dia. Resultados: Foram obtidos dados de 77 pacientes, com taxa geral de adesão de 65,8%. Esta caiu para apenas 8,7% quando analisados pacientes com PORT 1 e 2, subindo para 91,8% quando considerados os pacientes com escores PORT maiores. Conclusões: Antibioticoterapia não recomendada, exames laboratoriais e internação desnecessários foram os pontos mais discordantes das recomendações do protocolo. Os dados demonstram a necessidade de uma maior adesão ao protocolo, com vistas à redução de gastos desnecessários e melhoria na qualidade do atendimento.
Abstract Objective: The main purpose of the study was to assess the adherence to the community acquired pneumonia protocol adopted in the HCPA emergency room. Moreover we investigated epidemiological, clinical and laboratory characteristics that could be related to a worse prognosis. Methods: In a prospective and observational manner we selected patients with clinical and radiological diagnosis of pneumonia through active search in the HCPA emergency department during the period between August and November, 2005. The PORT index was used to rank patients, who were assessed again in the fifth day. Results: Data was obtained from 77 patients, with an overall adherence of 65.8%. Compliance fell to only 8.7% when only patients with PORT 1 and 2 scores were analyzed, reaching 91.8% for higher PORT scores. Conclusions: Non-recommended antibiotic therapy and unnecessary laboratory tests and admissions were the main discordant topics about the protocol recommendations. Our data show the need to increase protocol adherence, in order to reduce unnecessary expenses and to improve quality of assistance.
Contido em Revista HCPA. Porto Alegre. Vol. 26, n. 1 (abr. 2006), p. 7-11
Assunto Pneumonia
Terapia
[en] Community
[en] Pneumonia
[en] Treatment
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/164211
Arquivos Descrição Formato
000546104.pdf (330.3Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.