Repositório Digital

A- A A+

Comportamento do marcador sanguíneo peptídeo natriurético tipo B e sua relação com o diagnóstico de enfermagem volume de líquidos excessivo em pacientes internados por insuficiência cardíaca descompensada

.

Comportamento do marcador sanguíneo peptídeo natriurético tipo B e sua relação com o diagnóstico de enfermagem volume de líquidos excessivo em pacientes internados por insuficiência cardíaca descompensada

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Comportamento do marcador sanguíneo peptídeo natriurético tipo B e sua relação com o diagnóstico de enfermagem volume de líquidos excessivo em pacientes internados por insuficiência cardíaca descompensada
Outro título Behavior of the B-type natriuretic peptide marker and its relation to the nursing diagnosis Excess fluid volume in patients hospitalized for decompensated heart failure
Autor Trojahn, Melina Maria
Orientador Silva, Eneida Rejane Rabelo da
Data 2017
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem.
Assunto Biomarcadores
Diagnóstico de enfermagem
Insuficiência cardíaca
[en] Biomarkes
[en] Heart failure
[en] Nursing diagnosis
Resumo A congestão sistêmica é o principal fator relacionado à descompensação de pacientes com insuficiência cardíaca (IC), conferindo manifestações clínicas como dispneia, ortopneia, cansaço, distensão da veia jugular e edema. Estes sinais e sintomas, assim denominados características definidoras (CD) na classificação de Diagnósticos de Enfermagem (DE) da NANDA-International, fazem parte do diagnóstico de Volume de líquidos excessivo (VLE) frequentemente estabelecido em pacientes congestos. Estes sinais e sintomas também são frequentemente associados a diagnósticos do sistema respiratório e, por conseguinte, podem comprometer a acurácia diagnóstica. É nessa perspectiva, que se apresenta um marcador bastante estudado nas duas últimas décadas, Peptídeo Natriurético tipo B (BNP), que consegue diferenciar a dispneia de origem cardíaca da dispneia de causa pulmonar. Visando agregar este biomarcador ao conjunto de CD do diagnóstico VLE que este estudo foi desenvolvido. O objetivo do estudo é analisar o comportamento do Peptídeo Natriurético tipo B com a presença das CD do diagnóstico VLE em pacientes com IC descompensada durante a internação. Trata-se de um estudo de coorte conduzido em hospital público universitário, Porto Alegre, RS. Foram incluídos pacientes com diagnóstico de IC, função sistólica reduzida ou preservada, que internaram por descompensação aguda. A coleta foi sistematizada por meio de uma avaliação clínica na admissão e após compensação da IC (até sete dias após a admissão, denominado avaliação final), contendo as CD já validadas clinicamente para este diagnóstico em pacientes com IC como principais e secundárias. Também foram coletadas amostras de sangue para dosagem do BNP nestes dois períodos. Foram incluídos 64 pacientes, com média de idade de 69±13 anos, fração de ejeção do ventrículo esquerdo 50±16%. Da avaliação inicial à final, houve redução significativa das seguintes CD principais: dispneia (97% x 62%), ortopneia (91% x 67%), edema (89% x 62%), refluxo hepatojugular positivo (60% x 32%), dispneia paroxística noturna (95% x 26%), congestão pulmonar (66% x 49%), pressão venosa central elevada (53% x 27%); e secundárias, como ganho de peso (59%x9%), hepatomegalia (14%x11%), crepitação (86%x 50%) e oligúria (3%x1,5%). Em uma análise quantitativa das CD, observa-se uma redução da admissão à avaliação final no estudo, 11,3 ±3 versus 7,5±3, p<0,001; os valores de BNP da admissão no estudo à avaliação final reduziram significativamente 381(202-707) pg/ml versus 309(180- 640) pg/ml, p=0,012. Houve correlação positiva de moderada magnitude e significativa entre o delta do BNP com o número das CD presentes na avaliação clínica inicial do estudo r=0,304 e p=0,018. A área da curva ROC verificada resultou em 0,552, mostrando o nível de sensibilidade de 66,7%, quando o ponto de corte do valor do BNP for 447pg/ml e no teste de especificidade 54%. Os achados deste estudo indicam que o BNP apresentou um comportamento semelhante às CD, diminuindo seus valores de acordo com as manifestações do estado congestivo em pacientes internados por IC descompensada. A inclusão desse marcador como CD pode melhorar a acurácia diagnóstica.
Abstract Systemic congestion is the main factor related to decompensation of patients with heart failure (HF). The main clinical manifestations resulting from congestion are dyspnea, orthopnea, tiredness, distension of jugular vein, and edema. These signs and symptoms called Defining Characteristics (DC) in the classification of NANDA-International Nursing Diagnoses (ND) are part of the diagnosis of Excess Fluid Volume (EFV) often established in congested patients. These signs and symptoms are also often associated with respiratory system diagnoses and therefore may compromise diagnostic accuracy. In that sense, a wellstudied marker has been presented in the last two decades, B-type Natriuretic Peptide (BNP), which can distinguish cardiac dyspnea from pulmonary dyspnea. Aiming to add this biomarker to the DC set of the EFV diagnosis, this study was developed. This study aimed to analyze the behavior of BNP with the presence of defining characteristics of nursing diagnosis excessive fluid volume in hospitalized patients with decompensated HF during hospitalization. This is a Cohort study conducted in the emergence of a public university hospital, of a Southern Brazilian University Hospital. We included patients with HF diagnosis, reduced or preserved systolic function who were hospitalized by acute decompensation. The collection was systematized through a clinical evaluation at admission and discharge, containing the signs and symptoms already clinically validated as major and secondary for this diagnosis in patients with HF. Blood samples were also collected for BNP measurements. In the study, 64 patients were included, with mean age of 69±13 years, and fraction ejection of the left ventricular of 50±16%. From the initial to the final evaluation, there was a significant reduction of the following major dyspnea (97% x 62%), orthopnea (91% x 67%), edema (89% x 62%), hepatojugular reflux positive (60% x 32%), paroxysmal nocturnal dyspnea (95%x26%), pulmonary congestion (66% x49%), elevated central venous pressure (53% x27%) and secondary DC such as: weight gain (59% x9%), hepatomegaly (14% x11%), crepitations (86% x 50%) and oliguria (3% x 1,5%). The frequency of those signs and symptoms of the EFV DC on admission (11,3 ±3) and discharge (7,5±3) were statistically significant p<0,001. The median of the BNP values were reduced significantly: 381(202-707) pg/ml in admission and 309(180-640) pg/ml in discharge, p=0,012. There was a moderate and significant positive correlation between the BNP delta and the number of DC present in the initial clinical evaluation of the study r = 0.304 and p = 0.018. There was also a moderate and significant positive correlation between BNP´s delta and number of DC presented in the clinical initial evaluation of this study r=0,304 e p=0,018. The area of the ROC curve was found to be 0.552, showing the sensitivity level of 66.7% when the BNP value cutoff point was 447pg / ml and the specificity test was 54%. The findings of this study indicate that BNP presented a similar behavior to DC, reducing its values according to the reduction of clinical of congestive status in patients admitted for decompensated HF. Inclusion of this marker as a DC can improve diagnostic accuracy.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/164277
Arquivos Descrição Formato
001026320.pdf (5.319Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.