Repositório Digital

A- A A+

Tradução e adaptação cultural do swallowing disturbance questionnaire para o português-brasileiro

.

Tradução e adaptação cultural do swallowing disturbance questionnaire para o português-brasileiro

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Tradução e adaptação cultural do swallowing disturbance questionnaire para o português-brasileiro
Outro título Translation and cultural adaptation of swallowing disturbance questionnaire for brazilian portuguese
Autor Ayres, Annelise
Ghisi, Marciele
Rieder, Carlos Roberto de Mello
Manor, Yael
Olchik, Maira Rozenfeld
Resumo Objetivo: traduzir e adaptar culturalmente para o português brasileiro o Swallowing disturbance questionnaire (SDQ) para detecção de risco de disfagia em indivíduos com Doença de Parkinson (DP). Métodos: realizou-se tradução para o português, retradução para o inglês, análise de confiabilidade do instrumento, sendo a versão final aplicada aos participantes e realizado o reteste após duas semanas. Selecionou-se os participantes em um ambulatório de distúrbios do movimento de um hospital de referência no Rio Grande do Sul. Incluiu-se indivíduos com diagnóstico de DP. Excluiu-se indivíduos com alteração de linguagem ou audição que impossibilitasse a compreensão do questionário e com diagnóstico de outras doenças neurológicas. Resultados: a amostra foi composta por 23 indivíduos. Os participantes responderam a todas as questões. Não houve eliminação de nenhuma questão. Na análise da confiabilidade teste-reteste o coeficiente de correlação intraclasse do escore final nos dois momentos foi de 0,912 com p<0,001 (95%IC=0,792- 0,963), demonstrando que os dados são altamente homogêneos. Na análise por questão, não houve diferença significante entre os dois momentos de aplicação. O valor de α de Cronbach do instrumento foi de 0,63. Conclusão: houve equivalência cultural do SDQ para o português brasileiro, com boa confiabilidade interna do instrumento.
Abstract Purpose: to translate and culturally adapt to Brazilian Portuguese Swallowing the disturbance questionnaire (SDQ) for dysphagia detection risk in individuals with Parkinson’s disease (PD). Methods: this was translated into Portuguese, back-translation into English, instrument reliability analysis, the final version applied to participants and conducted retesting after two weeks. Was selected participants at a clinic for movement disorders of a reference hospital in Rio Grande do Sul. It was included individuals diagnosed with PD. It excluded individuals with impaired speech or hearing that prevented the understanding of the questionnaire and diagnosis of other neurological diseases. Results: the sample consisted of 23 individuals. The participants answered all questions. There was no question of disposal. In the analysis of test-retest reliability intraclass correlation coefficient of the final score in the two periods was 0.912 with p <0.001 (95% CI = 0.792 to 0.963), demonstrating that the data are highly homogeneous. In the analysis by question, there was no significant difference between the two application times. The value of α Cronbach the instrument was 0.63. Conclusion: there was cultural equivalence of the SDQ for Brazilian Portuguese, with good internal reliability of the instrument.
Contido em Revista CEFAC. São Paulo. Vol. 18, n. 4 (jul./ago. 2016), p. 828-834
Assunto Doença de Parkinson
Fonoaudiologia
Transtornos de deglutição
[en] Dysphagia
[en] Parkinson disease
[en] Triage
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/164412
Arquivos Descrição Formato
001023051.pdf (373.6Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.