Repositório Digital

A- A A+

Avaliação dos fatores precipitantes de encefalopatia hepática em pacientes com cirrose

.

Avaliação dos fatores precipitantes de encefalopatia hepática em pacientes com cirrose

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação dos fatores precipitantes de encefalopatia hepática em pacientes com cirrose
Outro título Factors precipitating hepatic encephalopathy in patients with cirrhosis
Autor Litvin, Márcia Hofmeister
Seligman, Beatriz Graeff Santos
Borges, Flávia Kessler
Martins, Shanna
Resumo Objetivo: A maioria dos episódios de Encefalopatia Hepática ( EH ) em pacientes com doença hepática crônica possui algum evento clínico precipitante reconhecido. A proposta deste estudo foi determinar as manifestações clínicas e os fatores desencadeantes de EH em pacientes com cirrose. Métodos: Cirróticos admitidos na emergência do Hospital de Clínicas de Porto Alegre por episódio de EH ( n=20 ) foram avaliados quanto à presença de fatores precipitantes tais como infecção ( incluindo peritonite bacteriana ), hemorragia gastrointestinal, constipação, dieta rica em proteína, azotemia, hipocalemia, uso de drogas psicoativas, desidratação, desenvolvimento de hepatoma e outros. Todos os pacientes foram acompanhados até alta hospitalar ou óbito. Resultados: Todos os pacientes tiveram pelo menos um fator desencadeante de EH. O principal fator contribuinte para o desenvolvimento de EH foi infecção ( 60%), como infecção urinária ( 35%), infecção respiratória ( 20%) e Peritonite Bacteriana Espontânea ( 15%). Conclusão: A medida terapêutica mais importante na EH é identificar os fatores precipitantes e corrigi-los prontamente. O estudo mostra que estes eventos são muito comuns e o diagnóstico precoce de infecção é importante nestes casos.
Abstract Aim: Most episodes of Hepatic Encephalopathy ( HE ) in patients with chronic liver disease are due to a clinically apparent precipitating event. The purpose of the present study was to determine the clinical manifestations and the factors precipitating HE in patients with cirrhosis. Methods: Cirrhotics admitted to the hospital emergency of an episode of encephalopathy ( n=20 ) were evaluated for the presence of precipitating factors such as infection ( including bacterial peritonitis), gastrointestinal hemorrhage, constipation, excess dietary protein, azotemia, hypokalemia, use of psychoactive drugs, dehydration, development of hepatoma and others. All patients were followed until hospital discharge or death. Results: All patients had at least one factor precipitating HE. The chief factor contributing to HE was infection ( 60%), such as urinary infection ( 35%), respiratory infection ( 20%) and Spontaneous Bacterial Peritonitis ( 15% ). Conclusions: The most important therapy approach of HE is to identify the precipitating factors and to correct them vigorously. The data show that these events are very common and the early diagnosis of infection is important in these cases.
Contido em Revista HCPA. Porto Alegre. Vol. 26, n. 1(2006), p. 33-37
Assunto Encefalopatia hepática
Fibrose
[en] Cirrhosis
[en] Hepatic Encephalopathy
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/164479
Arquivos Descrição Formato
000826217.pdf (1.240Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.