Repositório Digital

A- A A+

Tuberculous meningitis : evaluation of polymerase chain reaction as a diagnostic tool : a pilot study

.

Tuberculous meningitis : evaluation of polymerase chain reaction as a diagnostic tool : a pilot study

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Tuberculous meningitis : evaluation of polymerase chain reaction as a diagnostic tool : a pilot study
Outro título Meningite tuberculosa : avaliação da reação em cadeia da polimerase como ferramenta diagnóstica : um estudo piloto
Autor Geib, Guilherme
Dora, José Miguel Silva
Chakr, Rafael Mendonça da Silva
Paris, Fernanda de
Mombach, Alice Beatriz
Lutz, Larissa
Souza, Carolina Fischinger Moura de
Goldani, Luciano Zubaran
Abstract Meningitis is a severe and potentially fatal form of tuberculosis. The diagnostic workup involves detection of acidfast bacilli in the cerebrospinal fluid by microscopy or culture. However the difficulty in detecting the organism poses a challenge to diagnosis. Use of polymerase chain reaction (PCR) in the diagnostic approach to Mycobacterium tuberculosis (MTB) meningitis has been reported as a fast and accurate method, with several commercial kits available. As an alternative, some institutions have been developing inexpensive in-house assays. In our institution, we use an inhouse PCR for tuberculosis. The performance of our PCR for the diagnosis of MTB meningitis was analyzed in 148 consecutive patients, using MTB culture as the gold standard. Sensitivity of cerebrospinal fluid PCR for the diagnosis of MTB meningitis was 50%, specificity was 98.6%, and concordance with culture was 96% (kappa = 0.52). The performance of our PCR is similar to that obtained with the available commercial kits.
Resumo Meningite é uma forma grave e potencialmente fatal de tuberculose. O diagnóstico envolve a detecção de bacilos álcool-ácido resistentes no líquido cefalorraquidiano por microscopia ou cultura. Entretanto, a dificuldade de detectar o organismo representa um desafio ao diagnóstico. O uso da reação em cadeia da polimerase (PCR) na abordagem diagnóstica de meningite causada por Mycobacterium tuberculosis (MTB) tem sido relatado como um método rápido e preciso, com diversos kits comerciais disponíveis. Como alternativa, algumas instituições vêm desenvolvendo testes in house com baixo custo. Em nossa instituição, usamos PCR in house para tuberculose. O desempenho de nossa PCR para o diagnóstico de meningite causada por MTB foi analisado em 148 pacientes consecutivos, usando a cultura do MBT como padrão-ouro. A sensibilidade da PCR no líquido cefalorraquidiano para o diagnóstico de meningite causada por MTB foi de 50%, especificidade de 98,6% e concordância coma cultura de 96% (kappa = 0,52). O desempenho de nossa PCR é semelhante ao obtido com os kits comerciais disponíveis.
Contido em Revista HCPA. Porto Alegre. Vol. 28, n. 2 (2008), p. 85-88
Assunto Diagnóstico
Reação em cadeia da polimerase
Síndrome de imunodeficiência adquirida
Tuberculose meníngea
[en] Acquired immunodeficiency syndrome
[en] Polymerase chain reaction
[en] Tuberculous meningitis
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/164516
Arquivos Descrição Formato
000864701.pdf (192.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.