Repositório Digital

A- A A+

Vegetação e aspectos ecológicos do Parque Estadual do Espinilho,Barra do Quaraí, RS

.

Vegetação e aspectos ecológicos do Parque Estadual do Espinilho,Barra do Quaraí, RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Vegetação e aspectos ecológicos do Parque Estadual do Espinilho,Barra do Quaraí, RS
Autor Galvani, Francisco Renato
Orientador Baptista, Luis Rios de Moura
Data 2003
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Biociências. Programa de Pós-Graduação em Botânica.
Assunto Fitossociologia : Brasil : Rio Grande do Sul : Teses
Resumo (Vegetação e Aspectos Ecológicos do Parque Estadual do Espinilho, Barra do Quarai, RS). Foram realizados levantamentos da composição vegetal, análise fitossociológica, análises e caracterização dos solos, e observações ecológicas em uma área de 1.617,14 ha pertencentes à Unidade de Conservação - Parque Estadual do Espinilho. A área de estudo situa-se no município de Barra do Quarai, entre as coordenadas UTM 6654600 (N) 446.500 (E) e 6666400 (N) 463.800 (E). O clima da região é do tipo Cfa de Kõeppen , com médias anuais de temperatura de 23,4° C e precipitação de 1300 mm. Os solos do local são predominantemente Gleissolo Melânico Carbonático solódico, hidromórficos e de textura média. O levantamento da vegetação envolveu coletas em toda a área, classificação das espécies por hábito vegetativo e estrato. Na análise fitossociológica foram registrados todos os elementos arbóreos e arbustivos com CAP 10 em em uma área de 1,5 ha., subdivida em três parcelas de 1 O X 500m , compostas de 5 sub-parcelas cada, sendo calculados os parâmetros fitossociológicos usuais. Para a vegetação arbórea/arbustiva/lianas e epífitas, foram registradas 72 espécies; herbácea 124 espécies e para macrófitas aquáticas 59 espécies. Destacam-se como elementos mais expressivos da flora arbórea a associação de Prosopis affinis Spreng., P.nigra (Griseb.) Hieron. e Acacia caven (Moi.) Moi., os quais caracterizam a fisionomia da região. Prosopis affinis representa a espécie de maior importância, tendo sido registrada em todas as parcelas, seguida por Acacia caven. Os representantes da família Fabaceae e Myrtaceae, compõem a maior parte da mata ciliar da rede hídrica do Parque, e a vegetação aquática apresenta maior diversidade nas áreas de banhado, e nos locais de pequenas corredeiras. A área do Parque representa o único ambiente de ocorrência de Aspidosperma quebracho-blanco Schltdl., P.nigra e P.affinis no Rio Grande do Sul e no Brasil.
Abstract (Vegetation and Ecologia! Aspects of the Parque Estadual do Espinilho, Barra do Quarai, RS). Surveys on vegetal composition, fitossociological analysis·, soil analysis and characterization, and ecological observations were realized on an area of 1.617.14 ha pertaining to Unidade de Conservação - Parque Estadual do Espinilho. The area studied is located at Barra do Quarai, between the coordinates UTM 6654600 (N) 446.500 (E) 6666400 (N) 463,800 (E). The weather on the region is of type Cfa de Kõeppen, with annual temperature means of 23.4 °C and precipitation of 1300 mm. The local soils are predominantly Gleissolo Melânico Carbonático Solódico, hydromorphics and have medium texture. The survey on the vegetation covered collection in the whole area, classification of species by vegetative and stratus habits. In the fitossociological analysis, ali the arboreal and shrub elements with CAP 10 em were registered, in an area of 1.5 ha, subdivided in three lots of 1 O x 500 m, compounded by 5 sub-lots each, being calculated the usual fitossociological parameters. For the arboreallshrub!lianas and epiphyte vegetations, 72 species were registered; 124 herbaceous species and 59 aquatic plants species. The Prosopis affinis Spreng., P.nigra (Griseb.) Hieron. and Acacia caven (Moi.) Moi. association, which characterize the region physiognomy, are prominence as the most expressive elements in the arboreal flora. Prosopis affinis represents the most important species, being registered on ali the lots, followed by Acacia caven. The Fabaceae and Myrtaceae family representatives compound most of the riparian wood of the hydro network in the Parque, and the aquatic vegetation presents more diversity in the swamps area, and in places with short streams. The Parque area represents the only environment for occurrence of Aspidosperma quebrach-blanco Schltdl, P.nigra and P.affinis in Rio Grande do Sul and in Brazil.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/164596
Arquivos Descrição Formato
000374862.pdf (30.37Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.