Repositório Digital

A- A A+

Percepção de qualidade de consumidores de vinhos com indicação geográfica (IG) e seus estilos de tomada de decisão

.

Percepção de qualidade de consumidores de vinhos com indicação geográfica (IG) e seus estilos de tomada de decisão

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Percepção de qualidade de consumidores de vinhos com indicação geográfica (IG) e seus estilos de tomada de decisão
Outro título Quality perception of wine consumers with geographical indication (GI) and their decision-making styles
Autor Camfield, Luis Henrique Ramos
Orientador Kindlein, Líris
Data 2016
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Centro de Estudos e Pesquisas em Agronegócios. Programa de Pós-Graduação em Agronegócios.
Assunto Consumidor
Qualidade
Tomada de decisão
Vinho
[en] Buying decision
[en] Consumers perceptions
[en] Consumer style inventory
[en] Intrinsic and extrinsic attributes
[en] Scale evaluation
[en] Wines
Resumo A indicação geográfica de vinhos possibilita a segmentação de mercados a partir da valorização das características do seu local de origem, o que lhes atribui uma identidade própria, além de distingui-los em relação aos seus similares disponíveis no mercado. Nesse sentido, o objetivo geral desta tese foi avaliar fatores relacionados à percepção de qualidade de consumidores de vinhos com indicação geográfica (IG) e seus estilos de tomada de decisão de compra. Para isso, são apresentados quatro estudos: o primeiro visou à compreensão das variáveis que interferem na decisão de compra dos consumidores de vinhos com indicação geográfica ou com atributos regionais. O segundo estudo foi voltado à identificação dos aspectos que são relacionados à percepção de qualidade e quais características estão associadas aos vinhos com indicação geográfica por consumidores. O terceiro estudo avaliou a escala CSI (Consumer Style Inventory) adaptada para alimentos por Cankurt et al. (2013), investigando os estilos de tomada de decisão de consumidores de vinhos com IG no Brasil. O quarto estudo buscou a identificação de grupos específicos de consumidores formados a partir de sete estilos selecionados no modelo de Cankurt et al. (2013), bem como verificar sua relação com algumas características associadas à percepção de qualidade de consumidores de vinhos com indicação geográfica. A abordagem metodológica apresenta, inicialmente, uma revisão sistemática da literatura voltada ao tema em periódicos internacionais nos portais ISI Web of Science, Scopus e Science Direct, além de um levantamento aprofundado em teses, dissertações, periódicos nacionais e internacionais. Foi realizada, a seguir, uma Survey com os 2.621 participantes do Circuito Nacional de degustação do Instituto Brasileiro do Vinho no ano de 2014. Para a análise dos dados, foram utilizadas análises de estatísticas descritivas (médias e frequências), testes de análise de variância - ANOVA, teste de comparações múltiplas DMS, Dunnet T3 ao nível de significância de 5% e teste de comparação Mann-Whitney, assim como análise fatorial exploratória e confirmatória, análise de clusters, análise discriminante e análise de variância - ANOVA dos clusters. Os resultados demonstram que os consumidores de vinhos com indicação geográfica ou com atributos regionais vêm valorizando a qualidade sensorial, tipicidade e prestígio dos vinhos, proporcionando maior credibilidade aos produtos. Os consumidores que, habitualmente, adquirem vinhos com indicação geográfica, associam-na à qualidade do produto, reconhecendo os fatores intrínsecos como a qualidade da uva, o sabor e o aroma do vinho. Os fatores extrínsecos, como a região produtora e as características agroclimáticas, foram considerados atributos importantes nos vinhos com indicação geográfica. Os resultados apontam, ainda, boa confiabilidade e a validação de sete estilos de decisão entre os onze da escala avaliada para consumidores de vinhos com IG. A análise de clusters confirmou a formação de quatro grupos a partir dos sete estilos de decisão considerados inicialmente. Os consumidores que participaram desse estudo estão classificados no cluster constituído pelos estilos de decisão: Perfectionist, High-quality conscious; Habitual, brand-loyal e Local brand conscious, os quais são os que dão maior importância aos principais fatores associados à percepção de qualidade de vinhos com IG encontrados nesse estudo, que são: características próprias da região de origem (terroir); qualidade da matéria-prima (uvas); transmissão da cultura e história da região; características sensoriais dos vinhos e a tradição da vinícola.
Abstract A geographical indication of wines provides the market segmentation based on the value of the characteristics of their place of origin, which gives them an identity, and distinguish them in relation to their counterparts in the market. In this sense, the general objective of this thesis was to assess factors related to the quality perception of wine consumers with Geographical Indication (GI) and their purchase decision-making styles. To this end, four studies are presented: the first aimed at the understanding of the variables that influence the purchasing decisions of wines consumers with geographical indication or regional attributes. The second study was aimed to identify the aspects that are related to the quality perception and which characteristics are associated with wines with geographical indication for consumers. The third study assessed the CSI (Consumer Style Inventory) scale adapted to food by Cankurt et al. (2013), investigating the decision-making styles of wine consumers with GI in Brazil. The fourth study sought to identify specific consumer groups formed from seven selected styles based on Cankurt et al model. (2013), and to verify its relationship with some characteristics associated with the quality perception of wine consumers with a geographical indication. The methodological approach initially presents a systematic review of the literature focused on the topic in international journals in the ISI Web of Science, Scopus and Science Direct portals, in addition to a survey of national and international theses, dissertations, and journals. A Survey was made afterwards involving 2.621 participants in the National Tour tasting of Brazilian Institute of Wine in 2014. For data analysis, descriptive statistical analyzes were used (averages and frequencies), variance test analysis - ANOVA, multiple comparison test - DMS, Dunnet T3 at a significance level of 5% and Mann-Whitney comparison test, as well as exploratory and confirmatory factor analysis, cluster analysis, discriminant analysis and analysis of variance - ANOVA of clusters. The results show that consumers of wines with geographical indication or regional attributes have been valuing the sensory quality, typicality and prestige of wines, providing greater credibility to the products. Consumers that usually purchase wines with geographical indication, have been associated it to in product quality, recognizing the intrinsic factors such as the grape quality, flavor and aroma of the wine. Extrinsic factors, such as producing region and climatic characteristics have been considered important attributes in wines with geographical indication. The results also show good reliability and validation of seven decision styles among the eleven evaluated scale consumer of wine with the GI. Cluster analysis confirmed the formation of four groups from the seven decision styles considered initially. Consumers who participated in this study are classified as cluster consists of the decision styles: Perfectionist, High-quality conscious; Habitual, brand-loyal and Local brand conscious, which are those who give more importance to the main factors associated with perception of quality wines with GI found in this study, which are characteristics of the source region (terroir); quality of raw material (grape); transmission of culture and history of the area; sensory characteristics of the wines and the tradition of wine.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/164614
Arquivos Descrição Formato
001027296.pdf (1.618Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.