Repositório Digital

A- A A+

Política industrial como instituição desenvolvimentista : uma crítica ao “novo desenvolvimentismo” baseada nas experiências de Brasil e Coreia do Sul

.

Política industrial como instituição desenvolvimentista : uma crítica ao “novo desenvolvimentismo” baseada nas experiências de Brasil e Coreia do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Política industrial como instituição desenvolvimentista : uma crítica ao “novo desenvolvimentismo” baseada nas experiências de Brasil e Coreia do Sul
Outro título Industrial policy as a developmental institution : a review on the “new developmentalism” based on the experiences of Brazil and South Korea
Autor Pereira, Adriano José
Dathein, Ricardo
Resumo O artigo analisa a política industrial como instituição desenvolvimentista necessária ao desenvolvimento de economias retardatárias, contrastando os casos brasileiro e sul-coreano. Apesar das singularidades das economias analisadas, destaca-se que a industrialização, como estratégia de desenvolvimento, constitui-se um padrão de regularidade enquanto instituição desenvolvimentista fundamental. Argumenta-se que isso não está contemplado nas proposições “novo-desenvolvimentistas”, que refor- çam a importância da indústria para o desenvolvimento econômico nacional, mas destacam a política cambial como principal instrumento de política industrial, cuja validade é considerada restrita, ao passo que as instituições desenvolvimentistas, como a política industrial ativa, são elaboradas visando a um desenvolvimento econômico consistente no longo prazo, com mudança estrutural.
Abstract This article examines the industrial policy as a developmental institution required for the development of the latecomer economies by comparing the case studies of Brazil and South Korea. Despite the uniqueness of the economies in analysis, it is emphasized that industrialization, as a development strategy, forms a regular pattern while it is a fundamental developmental institution. It is argued that this was not considered in the “new developmental” propositions, which reinforce the importance of the industry to the National economic development, but value the exchange rate policy as the main instrument of the industrial policy, whose validity is considered restricted, while the developmental institutions, as the active industrial policy, are developed to establish a consistent economic development in the long term and with structural change.
Contido em Revista de economia contemporânea. Rio de Janeiro. Vol. 20, n. 1 (jan./abr. 2016), p. [28]-57
Assunto Brasil
Coréia do Sul
Desenvolvimentismo
Instituições
Política industrial
[en] Brazilian economy
[en] Developmentalism
[en] Industrial policy
[en] South Korean economy
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/164702
Arquivos Descrição Formato
001014452.pdf (1.352Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.