Repositório Digital

A- A A+

Avaliação da adesão ao protocolo de profilaxia de tromboembolismo venoso em pacientes hospitalizados no Hospital de Clínicas de Porto Alegre

.

Avaliação da adesão ao protocolo de profilaxia de tromboembolismo venoso em pacientes hospitalizados no Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação da adesão ao protocolo de profilaxia de tromboembolismo venoso em pacientes hospitalizados no Hospital de Clínicas de Porto Alegre
Outro título Assessment of adherence to thromboprophylaxis protocol in Hospital de Clínicas de Porto Alegre inpatients
Autor Castro, Denise Bruhn de
Reck, Luciana Loss
Silvestre, Odilson Marcos
Anjos, Gabriel Marques dos
Souza, Leonardo Reis de
Biolo, Andreia
Polanczyck, Carisi Anne
Resumo Introdução: Trombose venosa profunda (TVP) e tromboembolismo pulmonar (TEP) são problemas importantes em pacientes hospitalizados. Embora o benefício da profilaxia esteja definido, a prescrição baseada em diretrizes continua subutilizada. Este trabalho visa avaliar a utilização da profilaxia de TVP/TEP nos pacientes internados no HCPA e sua concordância com o protocolo assistencial deste hospital. Metodologia: Obteve-se informações do prontuário de todos os pacientes internados no Hospital de Clínicas de Porto Alegre em um dia nas áreas clínicas, cirúrgicas e CTI. Estratificouse o risco individual para TVP/TEP e comparou-se a profilaxia em uso e a recomendada pelo protocolo assistencial. Resultados: Foram incluídos 265 pacientes, dos quais 46% foram submetidos a procedimento cirúrgico. A maior parte dos pacientes foi estratificada como de risco alto (28,9%) ou muito alto (39,5%). Apenas em 30,7% dos pacientes a profilaxia em uso estava de acordo com aquela recomendada pelo protocolo do HCPA. Conclusão: Os resultados confirmam a subutilização da profilaxia TVP e TEP no nosso meio. A principal discordância entre as prescrições e a profilaxia recomendada pelo protocolo encontra-se no grupo de mais alto risco devido ao pequeno número de prescrições de heparina não-fracionada de 8/8 horas e heparina de baixo peso molecular. Alternativas para aumentar adesão ao protocolo devem ser instituídas.
Abstract Introduction: Deep vein thrombosis (DVT) and pulmonary embolism (PE) are significant problems for hospitalized patients. In spite of a well defined benefit of thromboprophylaxis, evidence-based guidelines remain underutilized. This study aims to evaluate the use of thromboprophylaxis in inpatients of Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA) and it’s conformity with the stated by the hospital protocol. Methods: Medical records of all medical, surgical and intensive care units patients hospitalized at HCPA in a specific day were searched. Individual risk for DVT or PE was determined and the prescripted thromboprophylaxis was compared to the recommended by the local protocol. Results: 265 patients were included, of which 46% have been submitted to surgery. Most of the patients were classified as high risk (28,9%) or very high risk (39,5%) for DVT or PE. Only 30,7% of the tromboprophylaxis prescriptions were according to the hospital protocol. Conclusion: Our results confirm the underutilization of thromboprophylaxis in our hospital. The main discordance between the prescriptions and the recommended by the protocol was found in the highest risk group because of the underuse of unfractioned heparin in intervals of 8 hours and of low molecular weight heparin. Alternatives strategies to improve the adherence to the protocol must be implemented.
Contido em Revista HCPA. Porto Alegre. Vol. 26, n. 1, (2006), p. 12-16
Assunto Antibioticoprofilaxia
Protocolos clínicos
Tromboembolia
Trombose venosa
[en] Deep vein thrombosis
[en] Guidelines
[en] Prophylaxis
[en] Pulemonary embolism
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/164717
Arquivos Descrição Formato
001021166.pdf (355.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.