Repositório Digital

A- A A+

Avaliação da força de expansão de protótipos stents asteriais

.

Avaliação da força de expansão de protótipos stents asteriais

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação da força de expansão de protótipos stents asteriais
Outro título Evaluation of expansion power of arterial stent prototypes
Autor Duarte, Luciano da Silva
Sanches, Paulo Renato S.
Nectoux Filho, Julio Lewis
Pereira, Adamastor Humberto
Schaeffer, Lirio
Resumo Objetivos: Vários stents de metal foram desenvolvidos nos últimos anos. Há grandes diferenças entre as propriedades mecânicas dos mesmos. Buscando-se avaliar o desempenho de stents protótipos, foram desenvolvidos um equipamento e um procedimento para obtenção de curvas Força de Expansão (F) X Deformação Relativa (ε) dos mesmos. Materiais e Métodos: Três stents diferentes foram escolhidos para proceder a uma análise de compressão: o stent da Talent, o X stent protótipo e o Z stent protótipo. Para determinar as curvas de F X ε dos stents, obteve-se, primeiramente, a curva Força X Deslocamento dos mesmos com o auxílio do dispositivo de compressão construído e, a par tir destes valores, calculou-se a deformação resultante. Resultados: O nível de forças apresentado pelo stent da Talent foi o maior (4,35 N para um ε = 0,30) e o X stent protótipo foi o que apresentou o menor nível de forças (0,19 N para um ε = 0,30). Conclusões: Os resultados apresentados mostram que uma reformulação nas características mecânicas do X stent protótipo é necessária para uma ação mais satisfatória do mesmo. Os principais fatores que levam a força de expansão apresentada por este protótipo a ser tão baixa são a sua configuração geométrica e o diâmetro do fio utilizado em sua construção.
Abstract Objective: Several metal stents have been developed in the last years. There are great dif ferences concerning their mechanical properties. Aiming at evaluating the performance of the prototype stents, a device and a procedure to obtain curves of Expansion Power (F) X Relative Strain (ε) of these stents were developed. Materials and Methods: Three dif ferent stents were chosen to undergo compression analysis: the Talent stent, the X stent prototype, and the Z stent prototype. To determine the F X ε curves of the stents, the Force X Displacement curves of each stent were obtained with the compression device and, based on these figures, the resulting deformation was calculated. Results: The force level presented by the Talent stent was the highest (4.35 N for ε = 0.30) and the X stent prototype presented the lowest force level (0.19 N for ε = 0.30). Conclusions: The results presented show that a reformulation of mechanical characteristics of the X stent prototype is necessary for a more satisfactory performance. The main factors which make the force level presented by this prototype to be so low are its geometric configuration and the diameter of the thread used in its construction.
Contido em Revista HCPA. Porto Alegre. Vol. 22, n. 3, (2002), p. 11-15
Assunto Medicina
Medicina
Stents
[en] Endoprosthesis
[en] Force x Strain tests
[en] Prototypes
[en] Stents
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/164718
Arquivos Descrição Formato
001022939.pdf (953.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.