Repositório Digital

A- A A+

Os recursos humanos dentro do Plano de Desenvolvimento Institucional da Universidade Federal do Rio Grande do Sul : um estudo de caso do cargo de assistente em administração

.

Os recursos humanos dentro do Plano de Desenvolvimento Institucional da Universidade Federal do Rio Grande do Sul : um estudo de caso do cargo de assistente em administração

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Os recursos humanos dentro do Plano de Desenvolvimento Institucional da Universidade Federal do Rio Grande do Sul : um estudo de caso do cargo de assistente em administração
Autor Franz, Doris Andréa Mesquita Borges
Orientador Lagemann, Eugenio
Data 2016
Nível Mestrado profissional
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Programa de Pós-Graduação em Economia.
Assunto Administração pública
Estudo de caso
Planejamento estratégico
Recursos humanos
Rio Grande do Sul
[en] Human resources
[en] Plan of Institutional Development
[en] Public management
Resumo Este estudo visa trazer à tona uma questão que está ligada ao próprio Plano de Desenvolvimento Institucional, ou seja, a redução dos cargos de recursos humanos, mais especificamente, o cargo de assistente em administração e sua influência direta no êxito na implementação e acompanhamento do Plano de Desenvolvimento Institucional. O objetivo geral do trabalho será de fazer uma análise comparativa do cargo de assistente em administração existente atualmente na Escola de Engenharia, projetando este resultado para o resto da Universidade. Sabemos que atualmente, as transformações e incertezas típicas deste século, são responsáveis pelas tendências que estruturam o Estado e a sociedade. Uma sociedade dinâmica, diferenciada e às voltas com inúmeras dificuldades, exige uma melhor Gestão dos Recursos Humanos. A importância da Gestão de Recursos Humanos deve ser compatível com as exigências do mundo atual e deve ir muito além dos aspectos técnicos e legais. Precisa ser pensada em termos políticos e ter em seu centro uma bem concebida e uma bem executada política de formação, capaz não só de treinar funcionários, mas de impulsionar a mudança da postura e da mentalidade do servidor público. A questão dos recursos humanos no setor público brasileiro tem sido frequente nas discussões que se travam já há alguns anos, sobre os rumos do Estado e da Administração Pública no Brasil. Perante a opinião pública, o foco principal tem recaído quase sempre sobre o despreparo técnico e o reduzido profissionalismo dos servidores. Agora, neste momento em que o país atravessa uma série de incertezas, este trabalho tenta mostrar o “real” sucateamento do funcionalismo público mais precisamente em relação ao cargo de assistente em administração e a sua realidade junto ao Plano de Desenvolvimento Institucional da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Este trabalho se justifica pelo fato de poder evidenciar que, apesar dos dados não serem registrados, a redução comprovada do cargo de assistente em administração poderá afetar diretamente os resultados do PDI. Este comprometimento poderá ser tanto na coleta e digitalização dos dados ou na realização e conclusão do mesmo. O PDI desta Instituição passa diretamente ou indiretamente pelos assistentes em administração, cargo que está em vias de extinção e que até o presente momento desempenhou o seu comprometimento com esta Universidade.
Abstract This study aims to bring to light an important issue concerning to human resources; that is mainly linked to the Plan of Institutional Development (PDI) at UFRGS. The main point is the reduction of human resources positions. The present research discusses the administrative assistant job in relation to its direct impact on the establishment and support success of the plan. Also, the focus, in general, lies in a comparative analysis of the administrative assistant position at Engineering School. Besides, the results should be including all the University. Nowadays, uncertainties in a changing world are responsible for the trends that shape the Government and population’s decisions. A dynamic, different and troubled society demands a better human resource management. The human resource management relevance should be in line with the demands in our present day world. Besides, it should go beyond technical and legal terms. The human resource management needs to be conceived in terms of a political idea. Also, its focus should be a well-designed and a well-executed training policy which should be able not only to shape the employees, but also stimulate government employee’s behaviour and mind changes. The subject of human resource in Brazilian public sector is always a common discussion topic, as well as the public management and State situation. In public opinion, the main problem has to do with technical lack of qualification and a narrow performance of government employees. Now, Brazil is going through a deep crisis, so this paper explores the “real” public sector scrapping situation, concerning to the administrative assistant position in relation to the Plan of Institutional Development of UFRGS. This work is fully justified by an undoubted decrease in the number of administrative assistant job. However the data are not recorded, this reduction can directly affect the PDI results, because some mistakes will probably occur not only in the gathering and digitization of data, but also misguided conclusions. The Plan of Institutional Development of UFRGS passes through administrative assistant’s hands in a direct or indirect manner. Although administrative assistant has been worked in a successful way, including labor engagement with UFRGS purposes, this position is being endangered.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/164747
Arquivos Descrição Formato
001027768.pdf (767.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.