Repositório Digital

A- A A+

Do cuidado com o bebê ao cuidado com o educador : enlaces com o corpo e com a educação

.

Do cuidado com o bebê ao cuidado com o educador : enlaces com o corpo e com a educação

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Do cuidado com o bebê ao cuidado com o educador : enlaces com o corpo e com a educação
Autor Wiles, Jamille Mateus
Orientador Ferrari, Andrea Gabriela
Data 2017
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Psicologia. Programa de Pós-Graduação em Psicanálise: Clínica e Cultura.
Assunto Bebê
Comportamento de cuidado da criança
Educadores infantis
[en] Body
[en] Care
[en] Education
[en] Educators
[en] Implicated Psychoanalysis
Resumo Este trabalho se situa nas fronteiras entre psicanálise e educação. A pesquisa foi construída a partir da experiência de acompanhamento de educadoras e bebês em instituições de educação infantil e do trabalho com psicologia escolar. Nessa experiência, o olhar sobre o cuidado, inicialmente dirigido ao bebê, foi apontando para dois outros cuidados: o cuidado/sustentação ao cuidado que o educador presta ao bebê e, especialmente, o cuidado dirigido ao educador. A Metodologia IRDI constituiu-se como um importante disparador que possibilitou expandir o olhar do desenvolvimento e constituição psíquica dos bebês, no laço com suas educadoras, para um olhar dirigido também ao cuidado daquelas que deles cuidavam. Além da Metodologia IRDI, foi base metodológica a proposta da psicanálise implicada. Nessa experiência, para além do cuidado, duas outras dimensões se destacaram: a do corpo e a da educação. Na interlocução do cuidado ao corpo, refletiu-se sobre o processo constitutivo do bebê na relação com seus pais e educadores. Buscou-se, ainda, refletir sobre os impasses do educador no trabalho com o bebê, trabalho que implica em um encontro direto com o corpo da criança. Já no enlace do cuidado à educação, a partir de um histórico que perpassou por concepções assistencialistas ou pedagógico-tecnicistas sobre a função da educação infantil, apostou-se em uma articulação entre as funções cuidar e educar. Cuidado e educação, nesse sentido, transmitem marcas simbólicas que inserem o sujeito na cultura e na linguagem. Sobre um possível trabalho de sustentação do cuidado que o educador presta ao bebê, surgiu o ajudar o educador a olhar para o bebê em suas particularidades, especialmente em situações de entraves ao desenvolvimento e constituição psíquica de bebês acompanhados. Já como proposta de cuidado com o cuidador-educador, destacaram-se como possibilidades o cuidado como presença implicada-reservada, o cuidado da experiência e o cuidado de si.
Abstract This work is situated on the frontiers between psychoanalysis and education. The research was built from the experience with attendance of educators and infants in early childhood education institutions and from the work with school psychology. In this experience, the gaze on care, initially addressed to the baby, was pointed to two additional cares: the care / support to the care that the educator gives the baby and, especially, the care directed to the educator. The IRDI Methodology was an important trigger that allowed to expand the look directed the development and psychic constitution of the babies, in the tie with their educators, for a look directed also to the e own professionals‟ care. The proposal of implicated psychoanalysis was also basis. In this experience, in addition to care, two other dimensions stood out: the body and the education. In the interlocution of the care to the body, it was reflected in the baby‟s constitutive process in the relation with his parents and educators. It was also sought to reflect on the impasses of the educator in the work with the baby, work that implies a direct encounter with the child‟s body. Already in the educational and care link, with a history that went through assistance or pedagogical-technical conceptions about the function of early childhood education, a focus was placed on an articulation between to care and educate. Care and education, therefore, convey symbolic marks that insert the subject in culture and language. On a possible work of support of the care that the educator provides to the baby, appeared the help the educator to look at the baby in his particularities, especially in situations of obstacles to the development and psychic constitution of accompanied babies. Already as a proposal of care with the caregiver-educator, were highlighted the possibilities the care of the implied-reserved presence, the care of the experience and the care of themselves .
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/164788
Arquivos Descrição Formato
001027453.pdf (768.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.