Repositório Digital

A- A A+

O Programa Nacional de Alimentação Escolar e sua relação com a agricultura familiar em unidades de produção agrícolas de São Lourenço do Sul/RS

.

O Programa Nacional de Alimentação Escolar e sua relação com a agricultura familiar em unidades de produção agrícolas de São Lourenço do Sul/RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O Programa Nacional de Alimentação Escolar e sua relação com a agricultura familiar em unidades de produção agrícolas de São Lourenço do Sul/RS
Autor Corrêa, Edilene dos Santos
Orientador Wives, Daniela Garcez
Data 2016
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Rural.
Assunto Agricultura familiar
Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE
São Lourenço do Sul (RS)
Sistemas de produção
[en] Family farming
[en] PNAE
[en] Production systems
Resumo Partimos do pressuposto de que o desenvolvimento rural se dá a partir de arranjos entre atores locais e de outras esferas como regional, estadual e nacional, cujas influências de cada grupo e subgrupo se relacionam levando a decisões nos diferentes sistemas envolvidos na produção. Sob esta perspectiva olhamos para a agricultura familiar, considerando que sua reprodução social é fundamental para que ocorra o desenvolvimento e que uma das engrenagens deste conjunto é a comercialização, buscamos com este trabalho compreender o mercado institucional sob a perspectiva dos agricultores. Esta pesquisa se propôs a analisar as características e como estão organizadas a produção, a família e a comercialização nas unidades de produção da agricultura familiar fornecedoras de alimentos para o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). Esta pesquisa teve como local o município de São Lourenço do Sul, um dos pioneiros do país na compra de alimentos da agricultura familiar para a alimentação escolar. Com o intuito de levantar as particularidades desses atores sociais foi adotada a metodologia predominantemente qualitativa e alguns elementos da abordagem quantitativa. As ferramentas de coleta de dados foram painel de especialistas, entrevistas semi-estruturadas e categorização a partir de tipologia. Para a análise dos dados qualitativos foi adaptada a ferramenta MESMIS. Encontramos uma divisão que inclui três sistemas de produção, o de base ecológica, o convencional e o agroindustrial familiar. A pesquisa nos mostra que o PNAE impacta na organização da família quando remete ao empoderamento feminino, gera mudança na relação do jovem com a produção agropecuária e agroindustrial e leva os agricultores a uma reorganização para atender a demanda. Identificamos mudanças na produção especialmente na adoção de técnicas diferentes, como o cultivo protegido, e no direcionamento da escolha das variedades produzidas em conformidade com a solicitação apresentada pela unidade executora do PNAE. A organização da comercialização também apresenta alterações, vimos casos em que o autoconsumo deixa de acontecer, priorizando a entrega de produtos para a alimentação escolar. Finalmente, nota-se que o PNAE provoca mudanças, constitui-se como oportunidade, mas apresentando, ao mesmo tempo, desafios para os agricultores familiares.
Abstract We assume that rural development takes place from arrangements between local actors and other spheres as regional, state and national, whose influences of each group and subgroup relate to taking decisions in the various systems involved in production. From this perspective we looked at family farming, considering that its social reproduction is essential for development and that one of the gears of this set is the marketing, we seek with this work to understand the institutional market from the perspective of farmers. This research aims to analyze the characteristics and how the production, family and commercialization are organized in the production units of family farming that are suppliers of food for the Brazilian National School Feeding Programme (PNAE). This research is focused on the city of São Lourenço do Sul, one of the country's pioneers in buying food from family farming for school feeding. With the objective to find out the peculiarities of these social actors, a qualitative methodology using some quantitative elements was adopted. The data collection tools were a panel of experts, semistructured interviews, and categorization from typology. For the analysis of qualitative data, the MESMIS instrument was adapted and used. We found an organization that includes three production systems, the ecological, the conventional and the agroindustrial familiar. The research shows us that the PNAE impacts on the family organization when it refers to female empowerment. In addition, it generates changes in the relation of young with agricultural and agroindustrial production and leads farmers to rearrange themselves to attend the demand. We identified changes in production especially in the use of different techniques, such as protected cultivation, and in directing the choice of the varieties produced in accordance with the request submitted by the executive unit of the PNAE. The organization also presents marketing alterations, for instance, we see cases where the auto consumption stops to happen, to prioritize the delivery of products for school feeding. Finally, we have noticed that the PNAE causes changes, constituting itself as an opportunity, but presenting at the same time, challenges for family farmers.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/164818
Arquivos Descrição Formato
001027771.pdf (5.023Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.