Repositório Digital

A- A A+

Produção e aplicação de biomantas para controle de erosão em taludes

.

Produção e aplicação de biomantas para controle de erosão em taludes

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Produção e aplicação de biomantas para controle de erosão em taludes
Outro título Production and application of biodegradable blankets to control erosion in slope
Autor Mariani, Priscila Pacheco
Orientador Cassol, Elemar Antonino
Data 2016
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo.
Assunto Cobertura vegetal
Erosao do solo
Erosao hidrica
Resumo Impactos sociais, ambientais e econômicos são causados pela erosão do solo tanto em áreas rurais, quanto urbanas ou em obras e construções como é o caso de taludes e cortes de estradas. Estabilização de encostas e controle da erosão em taludes é possível pelo estabelecimento de vegetação permanente, o que é facilitado pelo emprego de técnicas de engenharia natural, como utilização de mantas biodegradáveis. Com o objetivo de avaliar a eficiência de biomantas no estabelecimento de vegetação permanente e no controle da erosão em taludes, foi conduzido um experimento no campus da UNISC, em Santa Cruz do Sul, RS. Em um talude com inclinação de 35o avaliou-se a biodegradabilidade das mantas, as perdas de solo e água por erosão sob chuva natural e o estabelecimento por semeadura de aveia preta+azevém+pensacola em três tratamentos: 1) sem biomanta; 2) com biomanta comercial de fibra de coco; 3) com biomanta artesanal de sisal. A biomanta artesanal foi produzida a partir de cordões de sisal o qual, após utilizado na indústria fumageira, é descartado como resíduo. No período experimental entre 15 de agosto de 2015 e 15 de junho de 2016, a precipitação pluvial foi de 2.211,2 mm, com 15.164,6 MJ mm ha-1 h-1 de erosividade. Nos tratamentos com biomanta comercial (fibra de coco) e biomanta artesanal (sisal) a perda de solo foi de 30,3kg ha-¹ e 18,2kg ha-¹, respectivamente. No tratamento com solo sem a manta (apenas semeadura das culturas) as perdas de solo no período foram de 33.231,1kg ha-¹. As perdas de água nos três tratamentos foram de 45,3mm, 36,6mm e 421,5mm, respectivamente. Ao final do ciclo das gramíneas de inverno (aveia preta e azevém) a pensacola se estabeleceu em todos os tratamentos. Conclui-se que as biomantas de sisal e de fibra de coco são viáveis e eficientes na proteção inicial de taludes contra erosão do solo até que ocorra a biodegradabilidade das mantas e o estabelecimento da vegetação permanente com pastagem implantada. (
Abstract Social, environmental and economic impacts are caused by soil erosion in both rural and urban areas or works and buildings such as embankments and road cuts. Slope stabilization and erosion control on slopes is possible by permanent vegetation establishment, which is facilitated by the use of bioengineering techniques, such as using biodegradable blankets. In order to evaluate the efficiency of biodegradable blankets in permanent vegetation establishment and erosion control on slopes, an experiment was conducted on the campus of UNISC in Santa Cruz do Sul, RS. On a 35 degrees slope was evaluated the biodegradability of blankets, soil and water losses by erosion under natural rainfall and the establishment by seedling of oat + ryegrass + pensacola in three treatments: 1) no biomantle; 2) with commercial biodegradable blanket of coconut fiber; 3) with handmade sisal biodegradable blanket. The handmade biomantle was produced from sisal cords which, after being used in the tobacco industry, it is discarded as waste. In the trial period between 15 August 2015 and 15 June 2016, rainfall was 2211.2 mm, 15164.6 MJ mm ha-1 h-1erosivity. In the treatments with commercial biodegradable blanket (coconut fiber) and handmade biodegradable blanket (sisal) soil loss was 30.3 kg ha-¹ and 18.2 kg ha-¹, respectively. Treatment with soil without the blanket (only sowing of crops) soil losses in the period was 33,231.1 kg ha-¹. The water losses in the three treatments were 45.3 mm, 36.6 mm and 421.5 mm, respectively. At the end of the cycle of winter grasses (oat and ryegrass), the Pensacola was settled in all treatments. The conclusion is that sisal and coconut fiber biodegradable blankets are feasible and effective in the initial protection of slopes against soil erosion occurs until the biodegradability of the blankets and the establishment of permanent vegetation located grassland.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/165152
Arquivos Descrição Formato
001044551.pdf (3.949Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.