Repositório Digital

A- A A+

O direito de defesa no sistema processual penal inquisitivo

.

O direito de defesa no sistema processual penal inquisitivo

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O direito de defesa no sistema processual penal inquisitivo
Autor Rodriguez, Bruno Augusto Psendziuk
Orientador Andrade, Mauro Fonseca
Data 2017
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Direito. Curso de especialização em Direito Penal e Política Criminal.
Assunto Direito de defesa
Inquisição : Direito processual penal
Processo penal
[en] Catholic inquisition
[en] Contradictory
[en] Inquisitorial process
[en] Inquisitorial system
[en] Right of defense
Resumo O presente trabalho de conclusão visa compreender se havia ou não o direito de defesa no sistema processual penal inquisitivo. Para tal, aborda separadamente todos os sistemas, sendo eles o acusatório, o misto e o próprio inquisitivo, destacando seus conceitos, aspectos históricos e elementos fixos. Discorre também sobre o instituto do direito de defesa, com sua matriz histórica e evolutiva, de sorte a identificar o que vem a ser o instituto. Além disso, promove a classificação de acordo com a amplitude do direito e a presença do contraditório, podendo ser uma garantia natural, uma garantia fundamental, a ampla defesa contida, ou, ainda, a ampla defesa plena. Finaliza, concluindo que, no processo inquisitivo, não existiu uma única regra sobre o direito de defesa, ela variou de acordo com os diversos ordenamentos jurídicos existentes, razão pela qual a pesquisa apresenta, de forma individualizada, o resultado obtido por meio do estudo de documentos históricos, diferenciando o sistema inquisitivo no que diz respeito ao direito comum e ao direito canônico.
Abstract The present conclusion work aims at understanding whether or not there have been the right of defense in inquisitorial criminal procedural system. For such work, it handles all systems separately, such as adversary system, mixed and inquisitorial, highlighting its concepts, historical aspects and fixed elements. It also addresses to the institute of right of defense with its historical and evolutionary source, in order to identify what the institute is. Moreover, it rates in accordance with the right amplitude and with the presence of contradictory, as such being able to be a natural assurance, essential assurance, the broad defense contained or yet the plenum broad defense. It ends concluding that within the inquisitorial system there was not an only rule about the right of defense, it had varied according to the several existing legal order. Therefore, the research brings in a separate form the results obtained through historical documents research, differentiating the inquisitorial system in respect to common and canonic rights.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/165620
Arquivos Descrição Formato
001045633.pdf (721.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.