Repositório Digital

A- A A+

Aquisição do perfeito por brasileiros aprendizes de inglês como língua estrangeira

.

Aquisição do perfeito por brasileiros aprendizes de inglês como língua estrangeira

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Aquisição do perfeito por brasileiros aprendizes de inglês como língua estrangeira
Autor Fortes, Melissa Santos
Orientador Schlatter, Margarete
Data 2002
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Programa de Pós-Graduação em Letras.
Assunto Linguagem e línguas
Resumo O presente estudo procura investigar a aquisição do perfeito em lingua inglesa por brasileiros aprendizes de ingls como lingua estrangeira. Focalizamos, portanto, a aquisição de Present Perfect e de Present Perfect Progressive por 64 brasileiros acad6micos do Curso de Letras da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Para tanto, utilizamos como dados de base a produção de 39 falantes nativos de inglês americano bem como a de 20 falantes nativos de português como lingua materna. O trabalho foi desenvolvido a partir da coleta de dados em sala de aula atrav6s do uso de questionarios que eliciaram os usos do perfeito em lingua inglesa. Aplicamos tamb6m parte do Exame de Proficiência da Universidade de Michigan (EUA) com o intuito de distribuir os aprendizes por nveis de profici6ncia. Os dados coletados foram agrupados de acordo com o uso do perfeito que representavam e codificados. Os resultados apontam para uma ordem de aquisição dos usos do perfeito na produção dos aprendizes de inglês como lingua estrangeira e os padrões de nao uso de Present Perfect e de Present Perfect Progressive nessas produções refletem a influência da lingua materna como um elemento complementar na confirmação de percepções, ou psicotipologias, dos participantes desse estudo quanto aos significados expressos pelo perfeito em inglês. Os aprendizes que apresentaram padrões de não uso de Present Perfect e de Present Perfect Progressive parecem ter privilegiado ou o aspecto de anterioridade ou o aspecto de relevancia no presente dos contextos de uso do perfeito a eles apresentados, escolhendo, assim, Simple Past ou Simple Present em tais contextos e tal percepção parece ter sido confirmada pela sua lingua materna, na qual, nos mesmos contextos, há o privilégio ou da noção de anterioridade ou de relevância no presente e nao de ambas simultaneamente, como ocorre em lingua inglesa.
Abstract This study aims at investigating the acquisition process of the perfect in English by Brazilians learners of English as a foreign language. We have focused on the acquisition of the Present Perfect and of the Present Perfect Progressive by 64 Brazilian English majors at Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). The production of 39 native speakers of English as well as of 20 native speakers of Portuguese were used as baseline data. A questionnaire which involves the uses of the perfect in English has been applied to the participants in their classroom environment. We have also applied part of the University of Michigan (USA) Proficiency Exam in order to distribute the English learners according to their proficiency level. We have classified and codified the data as to the use of the perfect they expressed. Our results show evidence of an acquisition order for the uses of the perfect in the production of the learners of English as a foreign language. The results also indicate an influence of the learners' Li on their perceptions of the meanings expressed by the perfect in English as revealed by their productions that do not reflect the use of the perfect. Such productions seem to have privileged either the anteriority or the present relevance aspect expressed by the perfect in the contexts eliciated by the instrument, since the learners have chosen to use either the Simple Past or the Simple Present in those contexts. We therefore believe that the perceptions of the learners as to the uses of the perfect in English must have been influenced by their Li, which, in the same contexts, emphasizes either the anteriority or the present relevance aspect, and not both, as in the English language.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/165959
Arquivos Descrição Formato
000323560.pdf (2.217Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.