Repositório Digital

A- A A+

Multiplicadores fiscais no Brasil : estimativas a partir de modelos STVAR

.

Multiplicadores fiscais no Brasil : estimativas a partir de modelos STVAR

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Multiplicadores fiscais no Brasil : estimativas a partir de modelos STVAR
Autor Dutra, Frederico Nascimento
Orientador Monteiro, Sergio Marley Modesto
Data 2016
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Ciências Econômicas.
Assunto Brasil
Economia
[en] Brazilian fiscal policy
[en] Fiscal multipliers
[en] Generalized impulse response function
[en] STVAR
Resumo Este trabalho tem como objetivo analisar os efeitos da política fiscal na economia brasileira, a partir de estimativas para os multiplicadores fiscais do Governo Central nos regimes de expansão e recessão. Inicialmente, apresentam-se as abordagens teóricas em relação a este tema, sendo analisadas as visões de três correntes de pensamento macroeconômico: Novos Clássicos, Ciclos Reais de Negócios e Novos Keynesianos. Posteriormente, apresenta-se uma revisão do debate acerca das estimativas empíricas dos multiplicadores fiscais, com ênfase na consideração de se incluir nos modelos VAR a dinâmica não linear entre as variáveis, através da introdução de mecanismos que possibilitem que haja mudanças de regime. Desta forma, utiliza-se neste trabalho modelos do tipo Smooth Transition VAR (STVAR), de modo a permitir que se incorpore a eles a influência exercida pelo ciclo econômico. Então, a partir de uma versão modificada da função impulso resposta generalizada, calculam-se os multiplicadores fiscais, com base nos modelos estimados. Os resultados apontam que os multiplicadores de consumo do governo são positivos, tanto no regime de expansão quanto no de recessão, porém menores que a unidade. Já os multiplicadores de investimento do governo também são positivos, sendo maiores dos que os de consumo, porém apresentam mudanças significativas ao se considerar os diferentes regimes. Enquanto que para o regime de expansão o multiplicador de investimento é menor que a unidade para todos os períodos, para o regime de recessão ele apresenta valores superiores a um a partir do primeiro mês. Os resultados, portanto, sugerem que uma política fiscal anticíclica baseada em gastos em investimento pode ser mais eficaz em estimular a economia do que uma baseada em gastos em consumo.
Abstract This paper aims to analyze the effects of fiscal policy on the Brazilian economy, based on estimates for fiscal multipliers of the Central Government in the regimes of expansion and recession. Initially, the theoretical approaches in this topic are presented, and the visions of three macroeconomic currents of thought are analyzed: New Classical, Real Business Cycle and New Keynesian. Subsequently, a review of the debate about the empirical estimates of fiscal multipliers is presented, with emphasis on considering the inclusion of non-linear dynamics among variables in VAR models, through the introduction of mechanisms that allow for regime changes. Thus, we use the Smooth Transition VAR (STVAR) models in this work, in order to allow them to incorporate the influence exerted by the economic cycle. Then, from a modified version of the generalized impulse response function, we calculate the fiscal multipliers, based on the estimated models. The results indicate that government consumption multipliers are positive, both in the expansion and in the recession, but smaller than the unit. The government investment multipliers are also positive, being larger than those of consumption, but they present significant changes when considering the different regimes. While for the expansion regime the investment multiplier is smaller than the unit for all periods, for the recession regime it presents values greater than one from the first month. The results, therefore, suggest that a countercyclical fiscal policy based on investment spending may be more effective in stimulating the economy than one based on consumption expenditure.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/167256
Arquivos Descrição Formato
001020466.pdf (1.198Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.