Repositório Digital

A- A A+

Percepções de um grupo de idosos frente ao fato de não consultarem regularmente o cirurgião-dentista

.

Percepções de um grupo de idosos frente ao fato de não consultarem regularmente o cirurgião-dentista

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Percepções de um grupo de idosos frente ao fato de não consultarem regularmente o cirurgião-dentista
Outro título Perceptions of a group of elderly on the fact of not seeing the dentist regularly
Autor Bulgarelli, Alexandre Fávero
Mestriner, Soraya Fernandes
Pinto, Ione Carvalho
Resumo Ainda existe no imaginário coletivo a ideia de que idosos não necessitam de assistência odontológica, pois são em sua maioria desdentados e usuários de dentaduras. Assim, a pergunta desta pesquisa é: Qual o motivo que faz com que muitos idosos não consultem regularmente o cirurgião-dentista? O objetivo foi levantar e analisar os motivos que fazem com que idosos cadastrados em uma Unidade de Saúde da Família não consultem regularmente o dentista. Trata-se de uma pesquisa descritiva exploratória de abordagem metodológica quantiqualitativa realizada por meio de entrevistas domiciliares semiestruturadas aplicadas em 149 idosos cadastrados em uma Unidade de Saúde da Família na cidade de Ribeirão Preto,SP. Os dados foram analisados e sistematizados por meio da técnica da Análise de Conteúdo, e para a análise quantitativa foram realizadas análises bivariadas com associações significantes baseadas em valor de p<0,05. Houve associação estatisticamente significante entre visita ao dentista e idade (p=0,025), e observou-se que idosos com idades mais avançadas relataram ir menos ao dentista. Alguns dos motivos alegados foram: medo, dificuldade financeira, falta de tempo, além de falta de sintomatologia dolorosa nos dentes devido ao uso de dentaduras. Concluiu-se que os motivos alegados estão associados a aspectos sociais e culturais que devem ser analisados frente ao cuidado na atenção primária à saúde.
Abstract It is still common sense the idea that the elderly do not need dental care because they are largely toothless and denture wearers. Thus the research question is: What is the reason that makes many elderly people do not see the dentist regularly? This study aimed to find and analyze the reason that makes the elderly, enrolled in a family health care center, do not visit the dentist regularly. It is a descriptive and exploratory with a quanti-qualitative approach using household semi-structured interviews applied to 149 elderly enrolled at a family Health Unity in Ribeirão Preto city, SP, Brazil. Data were analyzed and standardized by the Content Analysis technique and for the quantitative analysis it was performed bivariate analysis based on p<0.05. There was significant association between dentist visit and age (p=0,025), and it was observed that higher age elderly related going to the dentist few times. Some of the reasons were: fear, financial difficulties, absence of time, and absence of tooth pain and denture wear. It was concluded that these reasons are related to the social and cultural aspects that needs to be analyzed within the primary health care.
Contido em Revista brasileira de geriatria e gerontologia. Rio de Janeiro. Vol. 15, n. 1 (2012), p. 97-107
Assunto Atenção primária à saúde
Odontologia geriátrica
Odontologia social
[en] Health of the elderly
[en] Oral health
[en] Primary Health Care
[en] Self concept
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/168773
Arquivos Descrição Formato
000835857.pdf (145.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.