Repositório Digital

A- A A+

Feminismos em movimento : mapeando a circulação do pensamento feminista entre Brasil e França

.

Feminismos em movimento : mapeando a circulação do pensamento feminista entre Brasil e França

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Feminismos em movimento : mapeando a circulação do pensamento feminista entre Brasil e França
Autor Schuck, Elena de Oliveira
Orientador Prá, Jussara Reis
Co-orientador Sénac, Réjane
Data 2017
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Ciência Política.
Assunto Brasil
Feminismo
França
Teoria feminista
Resumo Este trabalho realiza um mapeamento da circulação do pensamento feminista entre Brasil e França buscando compreender sob quais condições houve encontros e trocas entre o pensamento feminista brasileiro e francês. O período de análise parte de 1974, época de fortalecimento do movimento no Brasil e durante o lançamento da revista Nosotras com a consequente criação do Círculo de Mulheres Brasileiras em Paris, indo até a década de 2010, momento caracterizado pela dinamização e globalização das relações de saber e poder. É feito um mapeamento dos trajetos do pensamento feminista a partir da associação deste à produção e publicação teórica, a debates de ideias, e do esforço para o estabelecimento de redes colaborativas internacionais. A estratégia metodológica é composta pela aplicação de entrevistas semi-estruturadas e pela análise de conteúdo. Através da análise das entrevistas aplicadas a pesquisadoras feministas brasileiras e francesas e da análise comparativa de periódicos acadêmicos sobre ciência política, gênero e feminismo de ambos os países, identificamos percursos inusitados e desafios à difusão do pensamento feminista que se firma no espaço da pesquisa científica e social. O desenvolvimento desta tese justifica-se pela necessidade de mapear o acúmulo de capital simbólico e científico –que permearam as trocas, os conflitos e diálogos estabelecidos entre a reflexão feminista francesa e brasileira. A contribuição deste trabalho opera no sentido de dar visibilidade às trocas teóricas e ao estabelecimento de diálogos na consolidação do campo de pesquisa feminista, o qual apresenta um processo de ampliação e diversificação por meio de novas pautas de discussão científica e epistemológica, abrangendo a diversidade teórica proveniente do Sul Global.
Abstract This work maps the circulation of feminist thought between Brazil and France seeking to understand under which conditions there were encounters and exchanges between Brazilian and French feminist knowledge. The period of analysis began in 1974, during the strengthening of the feminist movement in Brazil as well as the launching of ‘Nosotras’ bulletin, with the consequent creation of the Círculo de Mulheres Brasileiras em Paris and the, going through the decade of 2010, characterized by the dynamization and globalization of relations of knowledge and power. The mapping of the paths of feminist thought is made from its association to theoretical production and publications, debates of ideas, and from the effort to establish international collaborative networks. The methodological strategy is composed of the application of semi-structured interviews and content analysis. Through a series of interviews with Brazilian and French researchers and the comparative analysis of academic journals on Political Science, gender and feminism of both countries, we identify unusual paths and challenges to the diffusion of feminist knowledge that is being established in the social and scientific research field. The development of this thesis is justified by the need to map the accumulation of symbolic and scientific capital - which permeated the exchanges, conflicts and dialogues established between the French and Brazilian feminist reflection. This work contributes giving visibility to the theoretical exchanges and the establishment of dialogues in the consolidation of the feminist research field, which presents a process of enlargement and diversification through new scientific and epistemological discussion, covering the theoretical diversity from the Global South perspectives.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/168982
Arquivos Descrição Formato
001046926.pdf (2.103Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.