Repositório Digital

A- A A+

Corpo, disciplina e subjetivação nas práticas de dança : um estudo com professoras da rede pública no sul do Brasil Porto Alegre 2017

.

Corpo, disciplina e subjetivação nas práticas de dança : um estudo com professoras da rede pública no sul do Brasil Porto Alegre 2017

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Corpo, disciplina e subjetivação nas práticas de dança : um estudo com professoras da rede pública no sul do Brasil Porto Alegre 2017
Autor Falkembach, Maria Fonseca
Orientador Icle, Gilberto
Data 2017
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Dança
Educação básica
[en] Basic Education
[en] Body
[en] Dance Education
[en] Laban Studies
[en] School
[en] Somatics
Resumo A tese analisa práticas de dança como componente curricular obrigatório de Arte na educação básica, em escolas públicas no Rio Grande do Sul, Brasil. É produto da pesquisa com seis professoras graduadas em dança. A partir da identificação de tensões provocadas pela prática da dança na escola (construção de currículo, planos de ensino e aulas), a pesquisa problematiza as relações de saber-poder que configuram essas práticas. Identifica que as práticas de dança, ao colocar o corpo (composto, exposto, soma e tátil) como centro do currículo, desestabilizam tecnologias de governo naturalizadas na escola, tais como as operações disciplinares. Analisa diferentes práticas, com ênfase para práticas de composição e estudos labanianos, práticas com perspectiva da educação somática e práticas com presença do toque e do contato. A pesquisadora acompanhou duas semanas de aula de cada professora e realizou entrevistas com as professoras e com um integrante da equipe diretiva de cada escola. Ainda, os dados foram produzidos por registros em diário de campo, áudio, vídeo e fotografia. A produção e análise dos dados tece a perspectiva dos estudos foucaultianos, com saberes artístico-pedagógicos que a autora traz encarnados. A tese identifica a conduta artista das professoras, construída na relação com a escola, e mostra que as práticas se constituem em espaços íntimos a partir dos saberes da dança
Abstract This thesis analyses how six dance teachers compose their artistic-pedagogical practices in the formal system of education in the Rio Grande do Sul state, Brazil. Dance is an art subject in the compulsory curriculum in the primary and secondary schools. From the identification of tensions provoked by the practice of dance at school – such as the construction of the curriculum, teaching plans and classes – the study problematises the power-knowledge relations in these practices. The research identifies that dance practices destabilise naturalised technologies of government at school, such as disciplinary operations, through placing the body (composed, exposed, soma and tactile) at the centre of the curriculum. The work analyses different practices, with emphasis on composition, Laban studies, somatic education, touch and contact. The methodology of data production involves participative observation of each teacher's lessons along two weeks, alongside interviewing teachers and members of the management staff. These actions were made through the using of the notebook, audio-recording, video and photographs.The analysis, as well as data production, was made through the articulation of Foucaultian studies with the researcher’s embodied artistic-pedagogical knowledge. The thesis identifies the teachers 'artist conduct' built in the relationship with the school, and shows that practices constitute intimate spaces from the dance knowledge.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/169008
Arquivos Descrição Formato
001047472.pdf (1.695Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.