Repositório Digital

A- A A+

Teias de aprendizagem : uma proposta de ensino com recursos educacionais abertos baseada na perspectiva de Ivan Illich

.

Teias de aprendizagem : uma proposta de ensino com recursos educacionais abertos baseada na perspectiva de Ivan Illich

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Teias de aprendizagem : uma proposta de ensino com recursos educacionais abertos baseada na perspectiva de Ivan Illich
Autor Lima, Ismael de
Orientador Lima Júnior, Paulo
Co-orientador Pezzi, Rafael Peretti
Data 2017
Nível Mestrado profissional
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Física. Programa de Pós-Graduação em Ensino de Física.
Assunto Formação de professores
Métodos de ensino
Recursos educacionais abertos
[en] Deschooling
[en] Open Educational Resources
Resumo Esta dissertação descreve uma intervenção desescolarizada efetivada dentro da escola. Desescolarizada no sentido de que há na intervenção um desprendimento das coisas tipicamente escolares como currículo, regras temporais e recompensas. Para Ivan Illich, autor do qual as ideias apresentadas no livro Desescolarização da Sociedade (1973) serviram como principal referencial teórico para este trabalho, os já exaustivamente discutidos problemas escolares são, na verdade, características intrínsecas dessa instituição. Ademais a escola seria um ritual de entrada para o mundo do consumo e um mecanismo que colabora com a reprodução das diferenças sociais. Uma alternativa à instituição escolar para o papel de mediador no processo de aprendizagem, seria a de fomentar o nascimento das “Teias de Aprendizagem” – redes autônomas de trocas de habilidades. A atmosfera propícia para o surgimento da nossa teia se constituiu no Colégio La Salle Carmo em Caxias do Sul, em dois semestres de 2014 e 2015. A plataforma escolhida para o nascimento dessa rede foi ancorada nos Recursos Educacionais Abertos (REA). Tais recursos favorecem o ciclo pesquisacriação- documentação-compartilhamento que, em nosso entendimento, é fundamental para desenvolver a autonomia dos alunos e para a abertura do conhecimento. Apresentamos aos alunos de ensino médio daquela escola a possiblidade de participarem de encontros semanais para que eles desenvolvessem seus projetos voltados, a princípio, para a mostra científica da escola. Nos encontros, os participantes tiveram disponíveis modelos de habilidades e ferramentas (como o Arduíno) para, de maneira autônoma, guiar seu aprendizado de acordo com o temática escolhida para seus projetos. Dividida em três momentos – (1) propiciar a formação da teia, (2) tornar os recursos disponíveis, (3) desenvolvimento de projetos, (4) documentação e compartilhamento – a intervenção desescolarizada mostrouse uma sugestão eficaz para um projeto extra curricular.
Abstract This dissertation describes a deschooling intervention performed inside a school. The descooling was applied in a way that during the intervention there was a detachment from the typical school things, such as, curriculum, time rules and rewards. To Ivan Illich, author whose book “Deschooling society” presented ideas that served as the main theoretical reference for this paper, the exhaustively debated school problems are, actually, intrinsic characteristics of this institution. Moreover, the school would serve as an entrance ritual to a world of consumption and a mechanism that colaborates with the reproduction of the social differences. An alternative to the school institution, to perform the mediating role in the learning process, would be to stimulate the birth of “The Learning Webs” – an independent network of habilty exchanges. A favourable atmosphere to the advent of our web appeared at the La Salle Carmo School in Caxias do Sul, in two semesters in 2014 and 2015. The plataform chosen to the birth of our network was based on the Open Educational Resources (OER). Such resourses favors a cycle of research-creation-documentation-sharing that, in our understanding, is vital to develop the students’ autonomy and to unlock knowledge. We presented to the middle school students from that school the possibility to attend weekly gatherings so that they could develop their projects concerning, at first, the school’s scientific fair. In those gatherings, the participants had at their disposal hability models and tools (such as Arduino) so that, in an independent way, they could guide their own learning according to the theme chosen for their projects. It was divided in three moments - (1) To enable the web formation, (2) to provide the avaliable resources, (3) Project development, (4) documentation and sharing – the deschooling intervention showed to be an effective suggestion for an extracurricular project.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/169092
Arquivos Descrição Formato
001047895.pdf (10.05Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.