Repositório Digital

A- A A+

Quem os fez que os crie : um antigo ditado em desuso

.

Quem os fez que os crie : um antigo ditado em desuso

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Quem os fez que os crie : um antigo ditado em desuso
Autor Berg, Marcello Koch
Orientador Folberg, Maria Nestrovsky
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Criança orfã
Fracasso escolar
Inclusão escolar
Infância
Política educacional
Políticas públicas
[fr] Échec scolaire
[fr] Éducation
[fr] Enfant
[fr] L'intégration scolaire
[fr] Les politiques publiques
[fr] Órfã
[fr] Politique de l'éducation
Resumo Este estudo tem como objeto a relação entre orfandade e educação. Mais especificamente busca explorar as conseqüências da falta de uma ou mais figuras parentais para a criança e seus efeitos na educação. Busca pensar as possibilidades de permanência das funções materna e paterna ante a ausência ou substituição das figuras da mãe e do pai. A pesquisa desta relação vai à guisa de questionamento sobre o enquadramento deste público na educação inclusiva. Justifica-se falar em educação inclusiva para jovens órfãos. Além disso, analisa as causas do fracasso escolar e seu embricamento com a orfandade. Por fim, convida a pensar em alternativas que possibilitem a igualdade de possibilidades educativas e sociais para crianças que apresentam diversidade familiar.
Résumé Cette étude a comme suject le rapport entre les entantes orprelin et l'éducation. Plus precisement il cherche à explorer les conséquences pour l'enfant du manque des parents dans le domaine de l'éducation. Il cherche penser les possibilités de permanence de la fonetion maternelle et paternel devant l'obsence ou la substituition des figures du père et de la mère. La recherche de ce rapport va em guise des questionnements sur l'encadrement de ce públic dans l'éducation inclusive. Est-ce justifiable parler d'éducation inclusive pour des jeunes orphelins? Em outre, il analyse les causes des échec scolaire dans sa relation avec les enfants orphelines. Finalement, il invite à penser des alternatives qui rendet possible l'égalité des chances éducatives et sociales pour des enfants qui présentent diversité familière.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/16911
Arquivos Descrição Formato
000707975.pdf (1.340Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.