Repositório Digital

A- A A+

Depois do acesso : a inserção profissional de jovens egressos do Prouni

.

Depois do acesso : a inserção profissional de jovens egressos do Prouni

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Depois do acesso : a inserção profissional de jovens egressos do Prouni
Autor Silva, Camila Scherdien da
Orientador Rocha-de-Oliveira, Sidinei
Data 2017
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Programa de Pós-Graduação em Administração.
Assunto Educação superior
Formação acadêmica
Ingresso no mercado de trabalho
Origem social
[en] Dispositional Sociology
[en] Higher Education
[en] School-to-Work Transition
[en] Social Class
Resumo O ensino superior brasileiro se configura, historicamente, como um espaço de formação elitista e excludente, destinado às classes dominantes. No entanto, esse cenário tem se alterado ao longo dos últimos 20 anos, a partir do processo de expansão e diversificação do acesso ao ensino superior, o qual possibilitou o ingresso de grupos antes pouco expressivos, por meio de políticas públicas como o Programa Universidade para Todos – Prouni. Frente a esse contexto de expansão no acesso ao ensino superior do país, essa pesquisa visa compreender como a origem social influencia o acesso, permanência e conclusão do ensino superior, assim como a posterior inserção profissional dos jovens egressos do Prouni, no momento em que essa se configura como uma política pública baseada em critérios de seleção socioeconômicos. A fim de compreender o peso da origem social no processo de formação e ingresso no mercado de trabalho, adotou-se o olhar da sociologia disposicionalista, suportado teórica e metodologicamente em autores como Bernard Lahire, Pierre Bourdieu e Jessé Souza. Para isso, foram realizadas entrevistas em profundidade com cinco egressos do Prouni – oriundos dos cursos de Direito e Administração de duas das melhores instituições de ensino privado do Rio Grande do Sul – as quais foram organizadas e apresentadas no formato de retratos sociológicos (LAHIRE, 2004). A partir da construção dos retratos, foram identificadas as disposições incorporadas ao longo da trajetória de cada um dos jovens, sendo analisadas a partir de suas ocorrências intra e interindividuais. Por meio das disposições compartilhadas, ou interindividuais, foi possível caracterizar os jovens egressos do Prouni como pertencentes a nova classe trabalhadora (SOUZA, 2010). Além disso, as diferenças nas disposições à nível individual permitiram identificar diferentes estratos dentro da nova classe trabalhadora, o que contradiz a ideia de um modo de conduta homogêneo entre aqueles pertencentes a uma mesma classe social. Percebeu-se que a identificação do sistema disposicional incorporado pelos indivíduos e a análise de sua influência ao longo da trajetória individual e coletiva dos egressos do Prouni contribuiu para desvelar o peso e influência da estrutura social sob a ação individual. Tal abordagem contribuiu para ressaltar as desigualdades existentes ao longo do processo de formação e inserção profissional, auxiliando no combate ao discurso meritocrático de responsabilização individual. Por fim, percebe-se no instrumento analítico de identificação das disposições um promissor caminho para aprofundar os estudos acerca da formação e inserção profissional no país e compreender as particularidades dos diferentes grupos de jovens que acessam o ensino superior, levando em conta suas trajetórias, que podem ser mais ou menos limitadas, a partir da origem de classe.
Abstract Brazilian higher education is historically an elitist field, destined to the highest social classes. However, this context has changed over the last 20 years, due to the process of expansion and diversification of higher education access. This allowed the entrance of minority groups at university, through public policies such as the University for All Program – in Portuguese called Prouni, which is based in social economic criteria. Based in this context of expansion in the access to higher education in Brazil, this research aims to understand the social origin influence on transition school-to-work process of young graduates from Prouni. In order to understand the social origin influence in higher education studies and transition school-to-work, a sociological dispositional view was adopted in this research, supported by authors such as Bernard Lahire, Pierre Bourdieu and Jessé Souza. In-depth interview were conducted with five graduated students from Prouni, enrolled in Administration and Law courses in two of the best universities of Rio Grande do Sul state. These interviews data were reconstructed and organized into sociological portraits (LAHIRE, 2004). From this material, some incorporated dispositions were identified, being classified based on their individual or collective occurrence. Based on these shared dispositions, was possible to identify this group of young Prouni students as part of the new working Brazilian class (SOUZA, 2010). Besides that, differences in the individual dispositions allowed the identification of distinctive social strata inside this social class, which contradicts the idea of a homogenous mode of conduct shared between members of a same social group. From the incorporated dispositional system analysis, was possible to identify some motivational factors which influence the decisions made by the individuals. Based on that, is possible to combat the meritocratic discourse of individual accountability, which make invisible the weight and influence of the social structure in agent’s life. Finally, the analytical instrument of dispositions identification seems to offer a promising alternative to deepen the transition school-to-work studies in Brazil. The individual analyses can help to understand the particularities in different young people groups that access the higher education, taking into account their trajectories and the divergent aspects they present, related to their social class origin.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/171372
Arquivos Descrição Formato
001055314.pdf (1.844Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.