Repositório Digital

A- A A+

Alterações da espectroscopia por ressonância magnética protônica (1H-MRE) em núcleos talâmicos de pacientes esquizofrênicos associadas a sintomas de psicose : estudo controlado com sujeitos normais

.

Alterações da espectroscopia por ressonância magnética protônica (1H-MRE) em núcleos talâmicos de pacientes esquizofrênicos associadas a sintomas de psicose : estudo controlado com sujeitos normais

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Alterações da espectroscopia por ressonância magnética protônica (1H-MRE) em núcleos talâmicos de pacientes esquizofrênicos associadas a sintomas de psicose : estudo controlado com sujeitos normais
Autor Ambros, Senair Alberto
Orientador Belmonte-de-Abreu, Paulo Silva
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas.
Assunto Espectroscopia de ressonância magnética
Esquizofrenia
Núcleos talâmicos
Transtornos psicóticos
Resumo OBJETIVO: Realizou-se o uso da espectroscopia em núcleos talâmicos (1H-MRS) para avaliação da possibilidade de redução do N-acetilaspartato (marcador da integridade neuronal) de pacientes com esquizofrenia medicada em comparação com controles saudáveis. Realizou-se o estudo das razões do NAA-Co em núcleos talâmicos direitos e esquerdos e correlacionou-se com alguns sintomas da esquizofrenia. MÉTODO: Foi realizado o estudo em 13 pacientes com esquizofrenia, segundo DSM-IV, e 13 controles saudáveis. Foi aplicado o teste OPCRIT em todos e nos pacientes com esquizofrenia, correlacionado com alterações em núcleos talâmicos. RESULTADOS: Uma avaliação parcimoniosa da multiplicidade de sinais e sintomas, particularmente na estrutura da linha mediana, o tálamo, foi realizada. Não houve diferença estatisticamente significativa na relação entre os metabólitos dos pacientes com esquizofrenia e os controles saudáveis. Observou-se a redução da razão NAA/Co em núcleos talâmicos direitos nos pacientes esquizofrênicos com história familiar da doença e com fala desorganizada. Em pacientes com delírios e alucinações observou-se uma redução da razão NAA/Co à esquerda. Os pacientes com delírios "espalhados" apresentaram comprometimento bilateral. CONCLUSÃO: A utilização da espectroscopia 1H-MRS permitiu o estudo dos núcleos talâmicos, indicada como região mediodorsal, indicando seus comprometimentos por redução da densidade neuronal/metabolismo em pacientes com esquizofrenia. Foi observada a redução da razão N-acetilaspartato/colina em núcleos talâmicos, bem como o comprometimento assimétrico em algumas situações e simétrico em outras, sugerindo a lateralização funcional talâmica na esquizofrenia.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/17451
Arquivos Descrição Formato
000717784.pdf (480.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.