Repositório Digital

A- A A+

As condutas musicais da criança entre dois e cinco anos : trabalhando com os modos do sistema tonal

.

As condutas musicais da criança entre dois e cinco anos : trabalhando com os modos do sistema tonal

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título As condutas musicais da criança entre dois e cinco anos : trabalhando com os modos do sistema tonal
Autor Pecker, Paula Cavagni
Orientador Maffioletti, Leda de Albuquerque
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Educação infantil
Educação musical
Epistemologia genética
[en] Children's music education
[en] Harmony
[en] Piaget's genetic epistemology
Resumo Esta pesquisa tem como objetivo acompanhar o desenvolvimento musical de crianças entre dois e cinco anos, identificando as singularidades que caracterizam seu engajamento nas atividades e buscando compreender os processos cognitivos que asseguram suas conquistas na área da música, especialmente frente às demandas dos modos do Sistema Tonal. A pesquisa se delineia como um estudo exploratório e envolve duas fontes de evidências empíricas: (a) portfólios individuais dos sujeitos, que registram a trajetória musical de cada um dos onze sujeitos que participaram desta pesquisa, explicitando suas singularidades e como realiza as atividades propostas; e (b) experiências intencionais formuladas para colocar em evidência a interação entre os sujeitos e os modos. Para propor, observar e conduzir os diálogos com os sujeitos durante as experiências intencionais e, para analisar e interpretar todo o material empírico, este estudo inspira-se nos princípios do Método Clínico. No que concerne aos aspectos gerais do desenvolvimento musical, a análise de dados mostrou que, a criança cria formas de compreensão obtendo um conhecimento de natureza prática. A inteligência prática funciona tomando como base a realização concreta das ações, para construir a partir das explorações realizadas e coordenações necessárias uma teoria sobre aquilo que manuseia. Referente às construções harmônicas, acredita-se que a criança desde muito pequena já é capaz de ter algumas reações de ordem reflexa aos diferentes agrupamentos de sons. Por volta dos quatro anos, as crianças passam a nomear estas sensações e a considerar o efeito "triste" do modo menor. No que concerne às regras harmônicas, muito caminho há pela frente até que a criança seja capaz de entender progressões e fazer uma leitura do que ouve de forma apropriada. Mesmo que as estruturas reflexas iniciem o processo, a harmonia é uma construção social. Assim, para o entendimento das regras que movem o Sistema Tonal, será necessária a influência externa, a busca deste conhecimento fora de si próprio.
Abstract The purpose of this research is to follow the musical development of children aged 2-5 in order to identify the unique behavioral aspects of each child on the activities. It tries to understand the cognitive processes for their musical achievements, particularly when they are dealing with Western music constructed within a tonal harmonic framework (major and minor modes). The research is an exploratory study with eleven children and works with two different empiric sources. The first one is the Individual Portfolios which records the growth of each subject of this study. The second one is the intentional experiments to analyze the interaction between the subjects and modes. The data collection techniques, the analysis and the interpretation inspire themselves on Piaget's Clinical Method. The mainly reason to chose this methodology is to be able to expose the children's behavior and thoughts for the analysis and to learn how to introduce the experiment in order to incite the children's responses. The data analysis indicates that children interact with harmony using their practical intelligence, which is based on concrete actions. We believe that children are able to have reflexes reactions about some sounds constructs really early on their lives. After that, these sensations will get names and children will start to talk about the minor mode 'sad effect', for instance. However, harmony is a cultural phenomenon and, to be learned, it will require the appropriate use of logic.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/17611
Arquivos Descrição Formato
000721291.pdf (637.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.