Repositório Digital

A- A A+

Metabolismo do cálcio em aves de corte e postura com ácidos orgânicos e fitase na dieta

.

Metabolismo do cálcio em aves de corte e postura com ácidos orgânicos e fitase na dieta

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Metabolismo do cálcio em aves de corte e postura com ácidos orgânicos e fitase na dieta
Outro título Calcium metabolism in broiler chickens and laying hens with organic acids and phytase in diet
Autor Vieira, Maitê de Moraes
Orientador Kessler, Alexandre de Mello
Data 2009
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Avicultura
Frango de corte
Nutricao animal
Resumo O metabolismo do cálcio é afetado pelo consumo de cálcio tendo função importante na homeostase corporal, através da absorção de cálcio da dieta e deposição no organismo para as funções orgânicas. O uso de aditivos como fitase e ácidos orgânicos interferem na fisiologia intestinal e também afetam o aproveitamento dos minerais. Neste trabalho foram testadas inclusões de ácidos orgânicos e fitase bacteriana em dietas com níveis crescentes de cálcio para aves de corte e postura para avaliar a retenção aparente de cálcio e fósforo além da deposição mineral nas aves. Foram realizados três experimentos, utilizando diferentes níveis de cálcio nas dietas, o primeiro com frangos de corte e adição ou não de fitase e ácido graxos de cadeia curta (fórmico e butírico), o segundo com frangos de corte e adição ou não de bicarbonato de sódio e diferentes fontes de cálcio e o terceiro com poedeiras semi-pesadas e a adição ou não de fitase e butirato de sódio na dieta. O aumento dos níveis de cálcio da dieta aumentou a retenção de Ca e conseqüentemente a cinza na tíbia, tamponou o pH do intestino e melhorou a metabolizabilidade da matéria orgânica em aves de corte. A fitase melhorou o aproveitamento de fósforo nas aves de corte e postura e reduziu a excreção de minerais em ambas e dessa forma demosntra ser uma alternativa viável para minimizar a poluição ambiental avícola. Os ácidos fórmico e butírico não apresentaram efeitos detectáveis sobre o metabolismo do cálcio em aves. O nível de cálcio da dieta interfere na retenção aparente do cálcio e indica-se um nível ótimo de cálcio na dieta de 1,0% para frangos de corte em crescimento e para poedeiras semi-pesadas em postura, considerando um equilíbrio no balaço corporal de Ca, um nível ótimo de 3,41% de Ca.
Abstract The calcium metabolism is affected by calcium intake having an important role in body homeostasis, by calcium absorption from the diet and body deposition to organic functions. The use of additives such as phytase and organic acids interfere with the intestinal physiology and also affect the recovery of minerals. The present study evaluated inclusions of organic acids and bacterial phytase in diets with increasing levels of calcium for broiler chickens and laying hens to evaluate the apparent retention of calcium and phosphorus in addition to mineral deposition in fowl. Three experiments were conducted using different levels of calcium in the diet, one with broilers and addition or not of phytase and organic acid (formic acid and butyric acid), the second with broilers and addition or not of sodium bicarbonate and two sources of calcium and third with laying hens with or without addition of phytase and sodium butyrate in the diet. Increased levels of calcium increased the retention of Ca and therefore the ash in the tibia, buffer the intestinal pH and increased the organic matter metabolizability in chickens. Phytase improved utilization of phosphorus in broilers and laying and reduced the excretion of both minerals and thus is a viable tool to minimize environmental pollution poultry. The organic acids showed no detectable effects on calcium metabolism in birds. The level of dietary calcium interferes with apparent retention of calcium and indicates an optimal level of calcium in the diet of 1% for broilers chickens in growth phase and for laying hens, considering the body calcium balance an optimal level of calcium of 3.41%.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/17682
Arquivos Descrição Formato
000721350.pdf (563.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.