Repositório Digital

A- A A+

Inteligência de máquina : esboço de uma abordagem construtivista

.

Inteligência de máquina : esboço de uma abordagem construtivista

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Inteligência de máquina : esboço de uma abordagem construtivista
Autor Costa, Antonio Carlos da Rocha
Orientador Castilho, Jose Mauro Volkmer de
Co-orientador Claudio, Dalcidio Moraes
Data 1993
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Informática. Curso de Pós-Graduação em Ciência da Computação.
Assunto Epistemologia genética
Inteligencia : Maquina
Inteligência artificial
Psicologia : Pre-indexacao
Teoria : Ciência : Computação
[en] Epistemology of artificial intelligence
[en] Foundations of computer science
[en] Genetic epistemology
[en] Machine intelligence
Resumo Este trabalho introduz uma definição para noção de inteligência de máquina, estabelece a possibilidade concreta dessa definição e fornece indicações sobre a sua necessidade - isto e, dá-lhe um conteúdo objetivo e mostra o interesse e a utilidade que a definição pode ter para a ciência da computação, em geral, e para a inteligência artificial, em particular. Especificamente, toma-se uma particular leitura da definição de inteligência dada por J. Piaget e se estabelecem as condições para que essa definição possa ser interpretada no domínio das máquinas. Para tanto, uma revisão das noções fundamentais da ciência da computação se faz necessária, a fim de explicitar os aspectos dinâmicos de variabilidade, controlabilidade e adaptabilidade subjacentes a tais conceitos (maquina, programa, computação, e organização, rege adaptação de rnáquina). Por outro lado, urna, mudança de atitude face aos objetivos da inteligência, artificial também e requerida. A definição dada supõe que se reconheça, a autonomia operacional das maquinas, e isso leva, a abandonar, ou pelo menos a colocar em segundo piano, o ponto de vista que chamamos de artificialismo - a busca da imitação do comportamento inteligente de seres humanos ou animais - e a adotar o ponto de vista que denominamos de naturalismo - a consideração da inteligência de maquina como fenômeno natural nas maquinas, digno de ser estudado em si próprio. 0 trabalho apresenta os resultados da reflexão através da qual se tentou realizar tais objetivos.
Abstract This work introduces a definition for the notion of machine intelligence, establishes the concrete possibility of that definition and gives indications on its necessity - that is, it gives that notion an objective content and shows the interest and utility that the definition may have to computer science, in general, and artificial intelligence, in particular. Specifically, we take a particular reading of the definition of intelligence given by J. Piaget, and we establish the conditions under which that definition can be interpreted in the domain of machines. To achieve this, a revision of the fundamental notions of computer science was necessary, in order to make explicit the dynamical aspects of variability, controlability and adaptability that are underlying those concepts (machine, program, computation, and machine organization, regulation and adaptation). On the other hand, a change in the attitude toward the objetives of artificial intelligence was also required. The given definition pressuposes that one recognizes the operational autonomy of machines, and this implies abandonning the point of view we call artificialism - the search for the imitation of the intelligent behavior of human beings and animals - and adopting the point of view that we call naturalism - which considers that machine intelligence is a natural phenomenon in machines, that should be studied by its own. The work presents the results of the reflexion through which we tried to realize those goals.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/17733
Arquivos Descrição Formato
000250460.pdf (647.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.