Repositório Digital

A- A A+

Aspectos cronobiológicos do trabalho de turno

.

Aspectos cronobiológicos do trabalho de turno

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Aspectos cronobiológicos do trabalho de turno
Autor Antunes, Luciana da Conceição
Orientador Hidalgo, Maria Paz Loayza
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas.
Assunto Circunferência da cintura
Depressão
Índice de massa corporal
Ritmo circadiano
Trabalho em turnos
Transtornos do sono do ritmo circadiano
Resumo Objetivos: verificar a correlação entre trabalho de turno e circunferência abdominal, Índice de Massa corporal (IMC), cronotipo e sintomas depressivos. Material e Métodos: foi realizado um estudo caso-controle, compreendendo 13 trabalhadores do turno do dia e 14 em regime noturno. A amostra foi constituída por trabalhadores da área da saúde com idades entre 25-60 anos. A mensuração antropométrica englobou a verificação de peso, altura, cálculo do IMC e circunferência abdominal. Os transtornos psiquiátricos menores foram aferidos pela Self-Report Questionnaire (SRQ-20) e os sintomas depressivos pela Escala de Depressão de Beck (BDI). A determinação fenotípica do Cronotipo foi realizada por meio do Morningness- Eveningness Questionnaire (MEQ). Resultados: os trabalhadores de turno apresentaram maior IMC (P=0.03) e circunferência abdominal (P=0.004) em comparação aos trabalhadores diurnos no teste de Kolmogorov - Smirnov. Os anos em regime de turno foram correlacionados à circunferência abdominal (r=0.43; P=0.03) e idade (r=0.47; P=0.02) O IMC foi correlacionado à circunferência abdominal (r =0.87 ; P<0.01). O trabalho de turno não foi correlacionado com sintomas depressivos e cronotipo. O cronotipo foi inversamente correlacionado ao SRQ-20 (r=-0.4; P=0.04). SRQ foi correlacionado com BDI (r = 0.56; P=0.003). Conclusão: A correlação entre trabalho de turno e circunferência abdominal sugere que este tipo de jornada de trabalho possa desempenhar um papel como fator de risco no desenvolvimento da obesidade e da síndrome metabólica. Embora o trabalho de turno não tenha apresentado correlação com sintomas depressivos, foi encontrada correlação entre cronotipo e sintomas depressivos, sugerindo que os indivíduos com o fenótipo vespertino estejam predispostos a transtornos mentais.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/17784
Arquivos Descrição Formato
000721671.pdf (422.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.