Repositório Digital

A- A A+

Conteúdo de selênio em ovos de galinhas reprodutoras pesadas suplementadas com selenito de sódio ou Zn-L-Se-metionina

.

Conteúdo de selênio em ovos de galinhas reprodutoras pesadas suplementadas com selenito de sódio ou Zn-L-Se-metionina

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Conteúdo de selênio em ovos de galinhas reprodutoras pesadas suplementadas com selenito de sódio ou Zn-L-Se-metionina
Outro título Selenium contents of eggs from broiler breeders supplemented with sodium selenite or Zn-L-Se-methionine
Autor Reis, Renata Nuernberg
Orientador Vieira, Sérgio Luiz
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Frango
Nutricao animal
Selênio orgânico
[en] Broiler breeder
[en] Hatching egg
[en] Organic Se
[en] Zn-L-Se-methionine
Resumo Este estudo avaliou o efeito de fontes e níveis de suplementação de selênio (Se) em dietas de aves reprodutoras pesadas sobre produção de ovo e a concentração de Se no conteúdo total do ovo. Foram utilizadas 50 reprodutoras Cobb 500 de 22 semanas, alojadas individualmente e alimentadas com dieta basal sem a suplementação de Se por três semanas. Após as aves receberam cinco tratamentos dietéticos com 10 repetições de uma ave cada, sendo compostos por selenito de sódio (inorgânico; Na2SeO3, 45% Se) e Zn-LSe- metionina (orgânico; ZnSeMet, 0,1% Se), como segue: T1- 0,15% inorgânico; T2- 0,30% inorgânico; T3- 0,15% orgânico; T4- 0,30% orgânico; T5- 0,15% inorgânico e 0,15% orgânico. Avaliações foram realizadas em dois períodos de 4 semanas. A produção de ovo e o peso do ovo foram diariamente registrados e a gravidade específica foi medida duas vezes por semana até o final do estudo. No primeiro período os animais alimentados com 0,30 ppm de Se orgânico apresentaram maior percentual de produção de ovo (P < 0,05), sendo que, no segundo período, nenhuma diferença foi observada entre os tratamentos (P > 0,05). As avaliações entre os períodos apresentaram que o peso do ovo não foi diferente (P > 0,05), sendo que a gravidade específica foi menor no segundo período (P < 0,05) e a concentração de Se no ovo aumentou com o tempo de suplementação (P < 0,05), independentemente da fonte de Se suplementada. A comparação dos tratamentos que continham apenas uma única fonte de Se demonstrou que a concentração de Se no ovo foi maior com a suplementação do maior nível de ZnSeMet (P < 0,05). Entretanto, a suplementação com a combinação das fontes (Na2SeO3 e ZnSeMet) produziu similares concentrações de Se no ovo. O aumentou da dose de selenito de sódio de 0,15 para 0,30 ppm não foi acompanhado por um aumento da deposição de Se no ovo.
Abstract This study evaluated effects of sources and levels of Se in broiler breeder diets on egg production and Se concentration in eggs. Fifty Cobb 500 hens 22 wks of age were individually placed in steel cages and fed a basal diet without Se supplementation for 3 wks. Birds were then provided five dietary treatments with 10 replicates of one individual hen, which had dietary selenium supplied from sodium selenite (inorganic; Na2SeO3, 45% Se) and/or from Zn-LSe- methionine (organic; ZnSeMet, 0.1% Se) as follow: T1- 0.15% Se from Na2SeO3; T2- 0.30% Se from Na2SeO3; T3- 0.15% Se from ZnSeMet; T4- 0.3ç0% Se from ZnSeMet; T5- 0.15% Se from Na2SeO3 + 0.15% Se from ZnSeMet. Evaluations were conducted in two periods of 4 wks each. Experimental diets were prepared through the supplementation of corn-soybean meal diets. Egg production and egg weight were recorded daily, whereas specific gravity was measured twice a wk towards the end of the study. In the first period, the hens fed 0.30 ppm of organic Se produced more eggs (P < 0.05) whereas no difference (P > 0.05) in egg production was found in the second period. Period evaluations showed that egg weight was not different (P > 0.05), whereas specific gravity decreased (P < 0.05) and Se concentration in eggs increased (P < 0.05) in the second period, regardless of Se source. The comparison between treatments with single Se sources demonstrated that the concentration of Se in eggs was greater with the highest level of ZnSeMet (P <0.05) and, the supplementation of a combination of sources (Na2SeO3 and ZnSeMet) produced similar concentrations of Se in the egg (P <0.05). However, increasing the dose of sodium selenite from 0.15 to 0.30 ppm was not accompanied by increased deposition of Se in the egg.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/17866
Arquivos Descrição Formato
000723086.pdf (292.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.