Repositório Digital

A- A A+

Um estudo sobre a implantação da ferramenta gerenciamento por categorias no varejo de farmácias

.

Um estudo sobre a implantação da ferramenta gerenciamento por categorias no varejo de farmácias

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Um estudo sobre a implantação da ferramenta gerenciamento por categorias no varejo de farmácias
Autor Hauck, Eduardo
Orientador Rossi, Carlos Alberto Vargas
Data 2008
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de Administração.
Assunto Comportamento do consumidor
Marketing de serviços
Marketing estratégico
Satisfação do consumidor
Varejo
Resumo Este trabalho foi realizado com o intuito de gerar conhecimento sobre a prática da ferramenta Gerenciamento por Categorias (GC) através da implantação do projeto “Universo Feminino”, desenvolvido pela Procter & Gamble para a categoria de absorventes, em duas lojas da rede direta de farmácias Maxxi Econômica. Como uma das práticas do ECR (Reposta Eficiente ao Consumidor), o GC surge no início da década de 90 representando um esforço conjunto entre indústria e varejo para identificar oportunidades de melhores práticas comerciais em resposta ao movimento de intensificação da concorrência e de elevação dos padrões de competitividade no mercado. O uso desta ferramenta pode proporcionar uma adequada combinação de produtos, redução de custos e aumento da rentabilidade das categorias, bem como uma visão mais completa sobre o perfil e os hábitos de compra dos consumidores. Entretanto, existe ainda uma falta de conhecimento a respeito desta prática por parte de empresas varejistas e nas instituições de ensino superior em geral, o que justifica a realização deste estudo. Através de pesquisa experimental e qualitativa, foi possível concluir que o projeto de GC “Universo Feminino” foi eficaz na construção de melhores resultados de vendas e de aumento da satisfação dos consumidores. Os principais resultados obtidos foram: aumento do faturamento da categoria de absorventes de 18,3% na média; migração da venda de produtos de menor desempenho e valor agregado para os de maior (trade-up); e melhoria da percepção da experiência de compra por parte do shopper.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/18018
Arquivos Descrição Formato
000653138.pdf (5.095Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.