Repositório Digital

A- A A+

Transgressão do Bom Fim

.

Transgressão do Bom Fim

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Transgressão do Bom Fim
Autor Pedroso, Lucio Fernandes
Orientador Rodeghero, Carla Simone
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em História.
Assunto Boemia
Bom Fim (Porto Alegre, RS)
Cultura
História do Rio Grande do Sul
História política
Transgressão
[en] Bohemia
[en] Space
[en] Transgression
Resumo O Bom Fim mudou muito nos últimos anos. A vida noturna, que era tida como sua característica principal nas décadas de 1980 e 1990, não está mais lá. O cinema e os bares também não fazem mais parte daquela paisagem. A intenção da presente dissertação é compreender este momento do bairro que acabou. Para isso, foram utilizados os conceitos de espaço e lugar de Michel de Certeau. Segundo este autor, o lugar é constituído a partir da ação disciplinadora que organiza cada coisa em uma localidade específica, uma separada da outra. O espaço é o lugar praticado. Nos grandes centros urbanos se impõe a disciplina, enquanto seus habitantes se apropriam dos limites impostos, criando brechas. O lugar é a ordem e busca a permanência no tempo, o espaço muda constantemente. Práticas criativas cotidianas transformaram a vida do Bom Fim desde o seu começo. Durante as duas últimas décadas do século XX, as práticas noturnas ocuparam o bairro, modificando ele e as representações dele. A porta de entrada para este novo Bom Fim foi um conjunto de bares próximo a UFRGS, conhecido como Esquina Maldita. Desde a década de 1970 tem ocorrido um intenso crescimento urbano e populacional na cidade de Porto Alegre. Durante esse processo, houve a abertura do bairro enquanto um novo terreno de ação, onde era possível praticar novas formas de comportamento, explorar novos caminhos e novas maneiras de produzir arte na cidade. A partir da Esquina ocorreu um movimento de expansão, exploração e ocupação das outras ruas, cinemas, bares, auditórios e do parque da Redenção. Muitos bares começaram a surgir na Avenida Osvaldo Aranha e nas transversais. Mais pessoas começaram a ir a esses bares e locais. A Esquina, filmes, músicas, shows, bares ajudaram a fixar o Bom Fim como um espaço aberto, jovem, de boêmia transgressora e produção artística intensas, peculiares e criativas. A partir do final da década de 1980 foi imposto um disciplinamento que acabou com estas características.
Abstract The Bom Fim has changed a lot on the last couple of years. The night live, a main characteristic trough out the 80's and 90's, it is not there anymore. The movie theaters and bars are not part of its landscape. The intention of the present study is to understand this neighborhood moment that has ended. To do that, Michel de Certeau concepts of place and space were used. According to the author, the place is constructed from the disciplinary action that organizes everything in a specific location, one apart from the other. The space is the place in practice. In large urban centers discipline is forced, while its habitants appropriates the imposed limits, creating gaps. The place is the order and seeks permanence on time, space is constantly changing. Creatively daily practices have transformed Bom Fim's life since it is beginning. During the last two decades of 20th century, night practices occupied neighborhood, modifying it and its representations. The gateway of this new Bom Fim was set of bars next to the UFRGS, in a corner known as the Esquina Maldita. Since the 1970's, the city of Porto Alegre has been experiencing an intense urban and populational growth. During this period, the neighborhood appears as a new field of action, where it was possible to practice new forms of behavior, explore new paths and new ways of producing art in the city. From the Esquina up there was a movement of expansion, exploration and occupation of the other streets, movie theaters, bars, auditoriums and Redenção Park. Many bars began to arise on Osvaldo Aranha Avenue and its cross streets. More people have started to attend to this establishments and bars. The Esquina, movies, songs, shows, bars helped to determined Bom Fim as an young, open space, of intense transgressive bohemia and intense artistic production, peculiars and creatives. A disciplinary process was imposed at the late 1980's that consummate those characteristics.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/18359
Arquivos Descrição Formato
000727255.pdf (1.885Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.