Repositório Digital

A- A A+

Flexibilidade na arquitetura residencial - um estudo sobre o conceito e sua aplicação

.

Flexibilidade na arquitetura residencial - um estudo sobre o conceito e sua aplicação

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Flexibilidade na arquitetura residencial - um estudo sobre o conceito e sua aplicação
Outro título Flexibility in residential architecture - a study about the concept and its application
Autor Finkelstein, Cristiane Wainberg
Orientador Mahfuz, Edson da Cunha
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Arquitetura. Programa de Pesquisa e Pós-Graduação em Arquitetura.
Assunto Arquitetura : Conceitos
Arquitetura moderna
Edifícios de apartamentos
Edificios residenciais
Resumo O tema da flexibilidade na arquitetura residencial tratado como um conceito que possui suas raízes nos antecedentes da arquitetura moderna e que evoluiu desde então, sendo aplicado em projetos ao longo do tempo através de diferentes maneiras. O trabalho de investigação aqui proposto trata de buscar, através de pesquisa bibliográfica, os primeiros antecedentes que propiciaram uma arquitetura flexível; o seu amadurecimento, possibilitado pela arquitetura moderna e arquitetos e obras que foram de importância fundamental para a solidificação do conceito. Seguindo em ordem cronológica, são identificadas teorias e obras que após os anos sessenta levam em conta o conceito de flexibilidade em sua formulação. A seguir, apresentam-se teorias contemporâneas sobre o conceito e sua aplicação, buscando-se fontes atualizadas. O trabalho se desenvolve em relação à aplicação do conceito em arquitetura de edifícios residenciais: identifica elementos que facilitam a flexibilidade, os tipos de flexibilidade encontrados e as atividades que são exercidas em ambientes domésticos. Para demonstrar tal estudo, a autora analisa 23 projetos de edifícios residenciais que apresentam flexibilidade em seus projetos e que foram de crucial importância para as interpretações e conclusões do presente estudo. A autora propõe que o tema da flexibilidade e sua aplicação sejam vistos como algo fundamental, objetivando uma arquitetura de melhor qualidade tanto para o usuário como para a cidade em que se insere.
Abstract The issue of flexibility in residential architecture is treated as a concept that has its roots in the history of modern architecture and which has since evolved, being applied in projects over time in different ways. The research work proposed here looks at the first projects and theories in history that provided background for a flexible architecture, its maturation allowed by modern architecture and architects and works that were of fundamental importance for the solidification of the concept. Following in chronological order, theories and projects that take into account the concept of flexibility in their formulation, after the sixties, are identified. Thereupon, contemporary theories on the concept and its application are shown through updated sources. As the work is intended for application in residential projects it tries to identify the factors that facilitate flexibility as well as it identifies the types of flexibility that appear in projects and activities that are carried out in home environments. To demonstrate what is stated in the text, the author analyzes 23 projects in residential buildings that have flexibility in their projects, which were of crucial importance for the interpretations and conclusions of this study. The text proposes that the theme of flexibility and its implementation are fundamental to achieve an architecture of quality both for the user and for the city where it is located.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/18409
Arquivos Descrição Formato
000727125.pdf (39.36Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.