Repositório Digital

A- A A+

Análise da força explosiva de membros inferiores em atletas de ginática ritimca e ginástica artística feminina

.

Análise da força explosiva de membros inferiores em atletas de ginática ritimca e ginástica artística feminina

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Análise da força explosiva de membros inferiores em atletas de ginática ritimca e ginástica artística feminina
Autor Murad, Vinicius Corrêa
Orientador Oliva, João Carlos
Data 2009
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Curso de Educação Física: Licenciatura.
Assunto Forca explosiva
Membros inferiores
[en] Artistic gymnastics
[en] Explosive strength
[en] Leg
[en] Rhythmic gymnastics
[en] Vertical impulse
Resumo Este trabalho tem como objetivo analisar e comparar a força explosiva de Membros Inferiores das atletas de Ginástica Artística feminina do Rio Grande do Sul e das atletas que participaram do Torneio Nacional de Ginástica Rítmica. A amostra foi composta 42 atletas (n = 42) que se encontram na faixa etária 08 a 13 anos do sexo feminino, condicionadas a 3 horas de treino, 6 vezes por semana. Para o tratamento dos dados coletados foi utilizada a estatística descritiva ANOVA (one-way) e para testar as hipóteses do estudo nos valemos de estatística inferencial utilizando o Teste T para amostras independentes sendo o nível de significância mantido em 5% e o software utilizado foi o SPSS 17.0. Os resultados da Impulsão vertical não apresentaram diferença estatisticamente significativa de força explosiva de MMII para atletas de GA e GR na faixa etária de 8 a 10 anos de idade em nenhuma das técnicas de salto (CMJ, p = 0,229 - SJ p = 0,247 - DJ p = 0,883). Na faixa etária de 11 a 13 anos houve diferença estatisticamente significativa nos resultados de força explosiva de MMII em GA e GR nas três técnicas de salto (CMJ, p = 0,001 - SJ p = 0,002 - DJ p = 0,010). Houve diferença estatisticamente significativa nos resultados de força explosiva de MMII entre as faixas etárias 8 a 10 e 11 a 13 anos para as atletas GA nas três técnicas de salto (CMJ, p = 0,000 - SJ p = 0,002 - DJ p = 0,001). Não houve diferença estatisticamente significativa nos resultados de força explosiva de MMII entre as faixas etárias 8 a 10 e 11 a 13 anos para as atletas de GR nas três técnicas de salto (CMJ, p = 0,373 - SJ p = 0,346 - DJ p = 0,397). Concluímos que as atletas de Ginástica Artística possuem uma maior força explosiva de Membros Inferiores que as de Ginástica Rítmica na faixa etária de 11 a 13 anos. Esta mesma diferença não foi estatisticamente relevante quando comparadas no grupo de 8 a 10 anos de idade entre as modalidades. Dentro dos mesmos desportos, as ginastas de 11 a 13 anos obtiveram resultados mais expressivos e significantes que as atletas de 8 a 10 anos somente na Ginástica Artística.
Abstract This paper aims to analyze and compare the explosive power of lower limbs of athletes in women's Gymnastics Ontario and the athletes who participated in the National Tournament in Rhythmic Gymnastics. The sample comprised 42 athletes (n = 42) who are aged 08 to 13 year-old female, conditioned to 3 hours of training, 6 times a week. To address the data collected was used descriptive statistics to ANOVA (one way) and to test the hypotheses of the study we make use of statistical inference using the t test for independent samples with the level of significance maintained at 5% and the software used was SPSS 17.0. The results of vertical jump showed no statistically significant difference in explosive power of lower limbs for athletes of GA and GR aged 8 to 10 years of age in any of the techniques of jump (CMJ, p = 0.229 - 0.247 p = SJ - DJ p = 0.883). At the age of 11 to 13 years was significant difference in the results of explosive strength of lower limbs in GA and GR in all three techniques jump (CMJ, p = 0.001 - 0.002 p = SJ - DJ p = 0.010). A statistically significant difference in the results of explosive strength of lower limbs between the ages 8 to 10 and 11 to 13 years for the three athletes GA techniques jump (CMJ, p = 0.000 - 0.002 p = SJ - DJ p = 0.001). There was no statistically significant difference in the results of explosive strength of lower limbs between the ages 8 to 10 and 11 to 13 years for athletes of GR in the three techniques jump (CMJ, p = 0.373 - 0.346 p = SJ - DJ p = 0.397 ). Concluded that the Artistic Gymnastics athletes have a greater explosive force of the lower limbs in rhythmic gymnastics at the age of 11 to 13 years. This same difference was not statistically significant when compared with the group of 8 to 10 years of age between the modalities. Within the same sport, the gymnasts from 11 to 13 years obtained more significant results and significant that the athletes from 8 to 10 years only in gymnastics.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/18895
Arquivos Descrição Formato
000732150.pdf (153.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.