Repositório Digital

A- A A+

Análise do desempenho cognitivo em pacientes pediátricos e juvenis submetidos a tratamento antineoplásico

.

Análise do desempenho cognitivo em pacientes pediátricos e juvenis submetidos a tratamento antineoplásico

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Análise do desempenho cognitivo em pacientes pediátricos e juvenis submetidos a tratamento antineoplásico
Autor Di Napoli, Francesca Osório
Orientador Brunetto, Algemir Lunardi
Co-orientador Gregianin, Lauro José
Data 2010
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Ciências Médicas: Pediatria (até jan. 2009).
Assunto Adolescente
Criança
Manifestações neurocomportamentais
Neoplasias
Quimioterapia
Resumo Objetivo: Investigar a possível relação entre o tratamento quimioterápico e o comprometimento da função cognitiva em crianças e adolescentes com câncer, no Serviço de Oncologia Pediátrica, do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA - RS). Métodos: O estudo foi do tipo caso-coorte e foram estudadas 34 crianças e adolescentes com neoplasias e 30 sem a doença, de ambos os sexos, entre 6 a 16 anos, durante três anos. Não foram incluídas no estudo crianças e adolescentes submetidos à radioterapia de SNC ou com tumor de SNC ou com estágio avançado da doença, e as que não mantinham acompanhamento pedagógico na unidade do HCPA, diante do abandono da escola no mesmo período. Utilizou-se uma entrevista de dados sócio-demográficos respondida pelas mães, e a escala de Inteligência Wechsler, adaptada e validada no Brasil. As informações das fichas demográficas caracterizaram os participantes e foram analisadas pela estatística descritiva. A comparação do desempenho cognitivo do momento pré-teste foi feita entre os grupos através do teste t Student. Posteriormente os grupos puderam ser comparados quanto a sua evolução através da ANOVA de medidas repetidas, também empregada para averiguar se houve diferença na evolução dos casos. O nível de significância adotado foi de 5%. Resultados: Os resultados da escala estão principalmente sumarizados através dos QIs Verbal, de Execução e Total e de 4 índices fatoriais. Foram realizadas duas análises entre os grupos e intragrupos. Constataram-se declínios significativos no grupo de casos tanto nos QIs Verbal (p <0,001), de Execução (p<0,003) e Total (p<0,001), quando comparados ao grupo controle. Conclusão: Verificou-se um declínio geral nos escores do grupo de crianças e adolescentes com neoplasias após administração de quimioterápicos. Os prejuízos encontrados incluem principalmente a área verbal, embora a área de execução apresente perdas importantes também. Esses achados interferem diretamente no QI Total dos sujeitos, visto que é composto tanto da área verbal quanto de execução.
Abstract Objective: Investigating the possible relationship between chemotherapeutic treatment and the compromising of cognitive function in children and adolescents with cancer, at the Pediatric Oncology Service of Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA - RS). Methods: The case-cohort type study included 34 children and adolescents with neoplasias and 30 without the disease, from both sexes, aged 6-16, during three years. The study did not include children or adolescents submitted to CNS radiotherapy or with CNS tumor or yet in an advanced stage of the disease, as well as those who were not under pedagogical monitoring at the HCPA’s unit for having ceased to go to school in that period. An interview with socio-demographic data was used, answered by mothers, as well as the Wechsler Intelligence Scale, adapted and validated in Brazil. Information from demographic cards characterizes participants and was analyzed by descriptive statistics. Comparison of cognitive performance at pretest was conducted between groups by t-Student test. Afterwards, groups could be compared regarding their evolution by repeated measures ANOVA, also employed to verify if there were any differences in the evolution of cases. The significance level adopted was 5%. Results: Results of the scale are mainly summarized by Verbal, Execution, and Total IQs and by 4 factorial indexes. Two analyses were carried out between groups and intragroups. Significant decreases were seen in the case group both in Verbal (p <0.001), Execution (p<0.003), and Total (p<0.001) IQs, when compared to the control group. Conclusion: A general decrease has been seen in the scores of the group of children and adolescents with neoplasias after administration of chemotherapeutic substances. Damages found are mainly to the verbal area, even though the execution area also shows important losses. Those findings directly interfere in the subjects’ Total IQ, since it is composed both by the verbal and the execution areas.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/19084
Arquivos Descrição Formato
000735215.pdf (332.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.