Repositório Digital

A- A A+

Amada pátria idolatrada : um estudo da obra Porque me ufano do meu país, de Affonso Celso (1900)

.

Amada pátria idolatrada : um estudo da obra Porque me ufano do meu país, de Affonso Celso (1900)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Amada pátria idolatrada : um estudo da obra Porque me ufano do meu país, de Affonso Celso (1900)
Autor Bastos, Maria Helena Câmara
Resumo O presente estudo analisa a obra Porque me ufano do meu país, escrita por Affonso Celso, que se tornou leitura obrigatória nas escolas secundárias brasileiras, tendo várias edições e traduções, transformando-se em uma verdadeira cartilha de nacionalidade. Pode ser considerado um livro de leitura com função moralizadora e intenção educativa, cívica, patriótica e social, um pequeno manual de educação cívica. Essa obra constitui uma unidade discursiva, produtora de ordenamento, de afirmação de distâncias, de divisões (CHARTIER, 1990, p. 28), representativa dos valores da ilustração brasileira quanto ao projeto pedagógico republicano de formação do novo homem para o novo regime: crença ilustrada nas virtudes da instrução moral e cívica, como forma de manter a ordem social e fortalecer o caráter nacional, no período da Primeira República. Nesse período, a educação moral, cívica e religiosa tornou-se o eixo das preocupações para os que almejavam o perene controle das relações e das estruturas sociais, como forma capaz de regenerar o país. A obra não é um exemplo isolado, insere-se na extensa produção de manuais de “história pátria” que circularam nas primeiras décadas do século XX, com a função de fortalecer a identidade nacional.
Abstract This study analyzes the book Why I am proud of my country, by Affonso Celso which was a compulsory reading for high school students for many years. This book had many translations and editions and was considered a guide to patriotism for its moralizing function and educative, civic, patriotic, and social intentions. It establishes a discursive unity that “produces order, asserts distances and divisions” (CHARTIER, 1990, p. 28), which represented the values of the Brazilian intelligentsia concerning to the republican pedagogic project of building a new man for a new regime. During the First Republic, such beliefs were represented by the virtues of moral and civic instruction as a means of keeping the social order and fortifying the national character. At that period, moral, civic and religious education became the main concern for those who wanted to control social relations and structures thus regenerating the Nation. This book is inserted in an extensive list of “motherland history” manuals which were available during the first decades of the XX Century and had the objective of strengthening the national identity.
Contido em Educar em revista. Curitiba. N. 20 (2002), p. 245-260
Assunto Brasil
Celso, Afonso, 1836-1912
História da educação
[en] Brazilian education
[en] First Republic
[en] Readings for formation
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/19622
Arquivos Descrição Formato
000355622.pdf (49.70Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.