Repositório Digital

A- A A+

Saúde pública no primeiro e terceiro mundos : desafios e perspectivas

.

Saúde pública no primeiro e terceiro mundos : desafios e perspectivas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Saúde pública no primeiro e terceiro mundos : desafios e perspectivas
Outro título Public health in the first and third worlds: challenges and perspectives
Autor Salzano, Francisco Mauro
Resumo O direito universal à saúde está bem estabelecido, mas entre declarações de propósitos e a realidade existem abismos difíceis de transpor. O desenvolvimento científico-tecnológico desigual tem acentuado as distâncias entre os padrões de vida, e, portanto, o estado sanitário de populações do Primeiro e Terceiro Mundos. Um dos segmentos mais importantes deste desenvolvimento científico-tecnológico é o que se relaciona à genética e à biologia molecular. Os avanços espetaculares nesta área fazem com que nossas vidas sejam cada vez mais “genetizadas”. Procurou-se abordar, aqui, as relações entre essas áreas e a da saúde pública no que se refere a (a) doenças infecciosas; (b) enfermidades mendelianas; (c) aberrações cromossômicas; (d) condições multifatoriais; (e) mutagênese, teratogênese, carcinogênese; e (f) hemoglobinopatias e talassemias. O futuro da saúde pública no país está longe de ser promissor, mas deve-se fazer um esforço para a montagem de programas apropriados neste setor que envolvam inversões apropriadas, tanto na infra-estrutura como na formação de recursos humanos; e tais programas não podem se dar ao luxo de ignorar a genética e a biologia molecular.
Abstract The universal right to health is well established, but between declarations of principles and reality there are gaps difficult to transpose. Unequal scientific-technological developments have enlarged the distances between standards of living, and therefore of the health conditions, of 1st and 3rd World populations. One of the most important areas of this scientific- technological development is that related to genetics and molecular biology. The spectacular advances in this area are conditioning that human life is becoming more and more “geneticized”. The present review considered the relations between these areas and that of public health with reference to (a) infectious diseases; (b) mendelian illnesses; (c) chromosome aberrations; (d) multifactorial conditions; (e) mutagenesis, teratogenesis, carcinogenesis; (f) hemoglobinopathies and thalassemias. The future of Brazil’s public health is far from promising, but an effort should be made for the establishment of programs in this sector that would involve appropriate inversions both in infrastructure and the formation of human resources; and such programs cannot afford the luxury of ignoring genetics and molecular biology.
Contido em Ciência & saúde coletiva. Rio de Janeiro, RJ. Vol. 7, n. 1 (2002), p. 7-16
Assunto Desigualdades socioeconômicas
Direito à saúde
Doenças hereditárias
Genética humana
Hemoglobinopatias
Neoplasias
Saúde pública
Talassemia
[en] Cancer
[en] Hemoglobinopathies
[en] Inherited diseases
[en] Parasite-host interactions
[en] Right to health
[en] Socioeconomic inequalities and health
[en] Thalassemias
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/19667
Arquivos Descrição Formato
000372605.pdf (60.36Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.