Repositório Digital

A- A A+

A propriedade social como suporte da existência : a crise do individualismo moderno e os modos de subjetivação contemporâneos

.

A propriedade social como suporte da existência : a crise do individualismo moderno e os modos de subjetivação contemporâneos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A propriedade social como suporte da existência : a crise do individualismo moderno e os modos de subjetivação contemporâneos
Outro título Social property as support for existence: modern individualism crisis and contemporary modes of subjectification
Autor Nardi, Henrique Caetano
Barbarini, Neuzi
Resumo Este artigo discute o conceito de propriedade social (CASTEL, 1998; 2000) como possibilidade de problematização dos modos de subjetivação contemporâneos. A genealogia da sociedade salarial proposta por Robert Castel nos permite pensar a construção da propriedade social como suporte da existência e como garantia do gozo dos direitos de forma igualitária. As transformações dos modos de subjetivação associadas ao novo modelo de acumulação capitalista reinstaurou a desigualdade e a insegurança como forma de revitalizar a competição enquanto valor central da sociedade neoliberal. Propomos aqui utilizar o modelo compreensivo de Castel para pensar os análogos da propriedade social construídos na história brasileira e que marcam a relação entre os modos de subjetivação e o trabalho.
Abstract This article discusses the contribution of the concept of social property (CASTEL, 1998; 2000) for understanding contemporary modes of subjectification. The genealogy of a salaried society proposed by the author allows us to take social propriety as support for existence and as a guarantee of egalitarian rights. The transformations of the modes of subjectification that are associated with the new model of capitalistic accumulation has reinstalled inequality and insecurity as forms of revitalization of competition as a central value in liberal society. In this text we use Castel’s comprehensive model in order to analyse the corresponding modes of social propriety in Brazilian history and their impact on the relationship between work and the modes of subjectification.
Contido em Psicologia & sociedade. São Paulo, SP. Vol. 15, n. 1 (jan./jun. 2003), p. 37-56
Assunto Ética social
Individualismo
Participação social
Subjetividade
Trabalho
[en] Ethics
[en] Individualism
[en] Modes of subjectification
[en] Social property
[en] Work
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/19685
Arquivos Descrição Formato
000380425.pdf (48.18Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.