Repositório Digital

A- A A+

Mastite com septicemia em caninos causada por Staphylococcus intermedius

.

Mastite com septicemia em caninos causada por Staphylococcus intermedius

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Mastite com septicemia em caninos causada por Staphylococcus intermedius
Outro título Mastitis with sepsis in dogs due to Staphylococcus intermedius
Autor Borowsky, Luciane
Driemeier, David
Rozza, Daniela
Cardoso, Marisa Ribeiro de Itapema
Resumo Os casos de mastite em caninos ocorrem mais comumente no período pós-parto ou como complicação de casos de pseudociese. Os microrganismos mais isolados nestes casos têm sido enterobactérias, estreptococos e estafilococos. Neste relato, são descritos três casos de cães com mastite aguda que evoluíram para óbito. Os animais apresentavam vômitos, abatimento, dificuldade respiratória e hálito urêmico. Na necropsia havia mastite gangrenosa e abscessos mamários nas mamas abdominais caudais e inguinais. No exame histopatológico, encontrou-se extensas áreas de necrose e hemorragia associadas à inflamação purulenta e presença de cocos gram positivos. Trombos sépticos foram encontrados em órgãos parenquimatosos. As glândulas mamárias com lesão macroscópica foram encaminhadas para exame bacteriológico Houve crescimento de colônias circulares, lisas, brilhantes e com presença de hemólise parcial e total no ágar sangue. Em todos os casos relatados, foi isolado o Staphylococcus intermedius, que é o principal representante do grupo dos agentes bacterianos coagulase positivos encontrados em cães. Apesar de não ser possível descartar a hipótese de uma bacteremia, os casos observados podem estar associados à produção de toxinas. Este relato objetiva levantar a hipótese de associação de toxinas com os casos aqui descritos.
Abstract Canine mastitis commonly occurs during early postpartum or as a complication of pseudopregnancy. The enterobacteriaceae, streptococci and staphylococci are among the microorganisms more frequently isolated from cases of canine mastitis. In this report, three clinical cases involving bitches that succumbed to acute mastitis are described. Common symptoms were vomiting, dyspnea and uremic breath. The caudal abdominal and inguinal mammary glands were swollen and dark red. Gross mammary lesions included subcutaneous edema, and necrotic and hemorrhagic areas. Histological findings included extensive hemorrhagic and necrotic areas associated with suppurative inflammation, with the identification of gram positive bacteria in the necrotic areas. Septic thrombi could also be observed in several parenchymatous organs. Mammary glands with macrocospic lesions were sampled for a bacteriological screening. Growth of circular, smooth, and shining colonies was observed, with partial and total hemolysis in the agar blood. Staphylococcus intermedius was isolated from the affected mammary glands from all animals. S. intermedius isolates with coagulase activity is the main representative group of bacterial agents normally isolated from mastitis in dogs. We hypothesize that the clinical evolution seen in mastitic patients is likely to be associated with toxemic conditions, but bacteremia should also be considered during the progression of the infection.
Contido em Acta scientiae veterinariae. Porto Alegre, RS. Vol. 31, n. 2 (2003), p. 111-113
Assunto Bacteriologia veterinaria : Caes
Doencas bacterianas
Mastite
[en] Canine
[en] Mastitis.
[en] Staphylococcus intermedius
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/19800
Arquivos Descrição Formato
000416187.pdf (295.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.